Pela primeira vez desde a época passada um técnico arrecadou o prémio de treinador do mês GoalPoint em dois meses consecutivos. Aconteceu na Ledman Liga Pro, e o autor da proeza foi o homem do leme do Desportivo das Aves, Ivo Vieira. Mas na Liga NOS também há novidades.

Liga NOS: Grande Praia no Outono

O Estoril até nem tinha começado particularmente bem a época, mas um Novembro infalível valeu a Fabiano Freitas o prémio de melhor do mês. No campeonato os “canarinhos” bateram Tondela e Nacional, conseguindo ainda livrar-se da sensação da Segunda Liga, o Cova da Piedade, na quarta eliminatória da Taça de Portugal. Fabiano Freitas ascendeu assim ao sexto lugar da tabela, e o Estoril já respira melhor na classificação.

O novo treinador do Belenenses, Quim Machado, foi a outra figura de Novembro. Um mês inteiro sem sofrer golos, com uma vitória e dois empates, ambos com o FC Porto, valeram-lhe 592 pontos. Em sete jogos disputados, Quim Machado obteve três resultados muito positivos.

Rui Vitória aparece no “top 3” pelo segundo mês consecutivo, mas mais do que isso, ascendeu ao topo da tabela, ultrapassando Pedro Martins. Mais um mês sem qualquer derrota e com o bónus do empate no Dragão, mas em Dezembro há Nápoles e Sporting…

Nota ainda para Carlos Pinto, treinador do mês em Setembro, que foi despedido do Paços de Ferreira, e também para Manuel Machado e Nuno Espírito Santo, os piores em Novembro.

Na próxima página: o melhor da LedMan LigaPro e o “quadro de honra”