A fase de grupos da Liga dos Campeões 2016/17 terminou com um saldo bem razoável para o futebol português. Apesar da saída de cena do Sporting, Benfica e Porto asseguraram um cenário muito raro no futebol português: a presença de dois emblemas nos oitavos-de-final.

Processados os 96 jogos da primeira fase da “Champions”, quem são os titulares dos melhores GoalPoint Ratings, independentemente da sua continuidade na prova? Começamos pelo top-5 global para depois revelarmos os melhores portugueses e terminarmos com os melhores que alinham nos três emblemas nacionais que participaram esta fase.

Os melhores dos melhores

champions-league-top-performers-201617-overall
Clique para ampliar

Ronaldo parece correr sem grande discussão para mais uma Bola de Ouro, mas tal não significa que Messi facilite. Com dez golos e duas assistências, a “pulga” foi, com larga vantagem, o jogador com mais intervenções directas em lances de golo. Foi ainda, a par de Di Maria, o jogador que mais ocasiões flagrantes criou, cinco. Tudo isto disputando apenas 450 dos 540 minutos possíveis.

Destaque ainda neste capítulo para Lucas Moura, um brasileiro que alguns já consideravam um “flop” parisiense mas que assumiu claro protagonismo na campanha do PSG. Lucas somou apenas um golo e uma assistência mas ninguém fez mais passes-chave do que ele (24), em apenas 428 minutos.

Na próxima página: os melhores portugueses