Quem “gasta” menos passes certos até rematar?

GoalPoint-Barometro-Liga-NOS-Jornada-8-Passes-eficazes-por-golo-marcado-infog
Clique para ampliar

A quantidade de passes eficazes que uma equipa soma por golo marcado é uma das métricas mais interessantes pois acaba por, a par da variante aplicada ao total de remates, dar-nos conta do grau de objectividade de cada uma das equipas.

  • Enquanto Porto e Sporting melhoram o registo médio final da época passada (185 e 208 passes respectivamente) o Benfica piora, ainda que não muito: “gasta” 212 passes certos por golo, quando em 2016/17 fechou com 208.
  • Os “guerreiros” de Abel seguem com o terceiro registo mais objectivo (173), uma melhoria evidente face aos cerca de 210 passes para golo da última Liga.
  • Mais uma vez o Tondela surpreende, seguido pelo Portimonense, mostrando o que já se sabe: nem sempre a posse corresponde a objectividade ofensiva, e a verdade é que os homens de Pepa precisaram, até agora, de apenas 1347 passes certos para, de alguma forma, atingir os dez golos que os colocam três tentos à frente de, por exemplo, Vitória de Guimarães. O problema… é lá atrás (e na disciplina, como veremos noutro artigo nos próximos dias).

Na próxima página, as “fortalezas” defensivas da Liga