GoalPoint-Arsenal-Man Utd-English-Premier-League-201718-Ratings
Clique para ampliar
GoalPoint-Arsenal-Man Utd-English-Premier-League-201718-MVP
Clique para ampliar
GoalPoint-Arsenal-Man Utd-English-Premier-League-201718-90m
Clique para ampliar

O Manchester United, de José Mourinho, arrancou uma importante vitória por 3-1 no reduto do Arsenal, no jogo grande da 15ª jornada da Premier League inglesa, e continua na perseguição ao líder, Manchester City.

Porém, este foi um triunfo contra a corrente de jogo e, não tivesse sido o arranque de sonho dos “red devils”, que marcaram logo aos quatro e aos 11 minutos, por Antonio Valencia e Jesse Lingard, e a história poderia ter sido outra. Este foi um jogo praticamente de sentido único, com o Arsenal a terminar a partida em superioridade numérica – Pogba foi expulso aos 74 minutos -, e com 75% de posse de bola, 33 remates, 15 enquadrados, e cinco oportunidades flagrantes criadas, que foram sendo evitadas por David de Gea, o homem do jogo.

De Gea terminou com um GoalPoint Rating de 8.7, mercê de 14 defesas (!), sete delas a remates dentro da sua grande área. Não evitou o tento de Alexandre Lacazette, mas foi o suficiente, uma vez que Lingard bisou e fixou o resultado em 3-1.

GoalPoint-T-shirts-2017-banner