Vamos apenas na quinta semana de “Tops da Europa”, e os nomes em destaque começam a repetir-se cada vez mais. Desta vez, só um, Miralem Pjanic, faz a estreia nesta rubrica, numa edição que engloba ainda a jornada intra-semanal da semana passada.

 

LIONEL MESSI (Barcelona) 9.8

GoalPoint-Barcelona-Eibar-Spanish-La-Liga-201718-MVP
Clique para ampliar

Foi precisamente a meio da semana que chegou a melhor exibição dos últimos sete dias. Surpresa, surpresa… temos Leo Messi. Num jogo em que ficou bem clara a exigência do algoritmo, o argentino fez um “poker”, e mesmo assim não chegou ao tão desejado 10.0.

Messi esteve mais ausente da construção que o habitual, e apesar dos sete remates que enquadrou, acertou apenas metade das suas tentativas de drible e não criou nenhuma ocasião para os companheiros, o que explica a nota “baixa”.

 

PAULO DYBALA e MIRALEM PJANIC (Juventus) 9.0

GoalPoint-Juventus-Torino-Italian-Serie-A-201718-Spotlight
Clique para ampliar
GoalPoint-Juventus-Torino-Italian-Serie-A
Clique para ampliar

Pela segunda jornada consecutiva temos dois grandes registos individuais no top-5, vindos da mesma equipa. Desta vez foram Dybala e Pjanic os protagonistas, e logo dérbi de Turim.

O argentino não é surpresa nenhum. Lidera os GoalPoint Ratings da Serie A com uma fantástica média de 8.31, e somou dois golos aos dez que já leva no campeonato, pincelados ainda com quatro passes para finalização, quase 100% de eficácia nos dribles e cinco faltas conquistadas, duas em zonas perigosas. Quanto ao bósnio, ofereceu dois, marcou um, interceptou mais passes que qualquer outro nesta partida, e só falhou quatro, entre os 105 que tentou ele próprio. Duas exibições memoráveis.

 

 

CIRO IMMOBILE (Lazio) 8.9

GoalPoint-Verona-Lazio-Italian-Serie-A-201718-MVP
Clique para ampliar

Mais um avançado em grande forma no campeonato italiano. Ao contrário de Dybala, que marcou dois golos em dez disparos, o gigante da Lazio só precisou de dois remates para o fazer, e ainda lhes somou uma assistência, garantindo 100% de participação nos golos com que a Lazio bateu o Verona.

Como se não bastasse, o italiano ainda foi o melhor driblador da partida e também aquele que mais ocasiões de finalização criou.

 

EDIZ DZEKO (Roma) 8.8

GoalPoint-Benevento-Roma-Italian-Serie-A-201718-MVP
Clique para ampliar

Jornada após jornada, o bósnio vai batendo recordes de remates. A meio da semana, contra o Benevento, foram onze, sendo que seis deles saíram enquadrados, e dois resultaram em golo.

Nessa partida, Dzeko foi ainda aquele que mais passes para finalização alheia somou, e ainda se deu ao luxo de falhar uma ocasião flagrante, se não, imagine-se o rating…

Ninguém tem mais altas médias de remates (6,9) ou remates enquadrados (3,6) por 90 minutos, na Europa.

 

QUADRO RESUMO:

GoalPoint-Tops-ot-EuroTops-Round-170925-infog
Clique para ampliar