31º – 50º

Dembele-Dortmund-Pepita-de-Ouro-2016
Ousmane Dembélé foi o mais jovem do top-100

As boas prestações das equipas francesas nas competições europeias fizeram com que o coeficiente da Ligue 1 aumentasse, pelo que este ano apareceram mais jogadores deste campeonato nos melhores da lista final. Ousmane Dembélé (32º) já deu o salto do Rennes para o Dortmund, e é o mais novo do “top 100”, mas há mais na forja.

#JogadorEquipa(s)GP Rating (Liga)GP Rating (Europa)GP Rating (Euro / CA)
31Marek HamsikNapoli / Eslováquia6.556.486.03
32O. DembéléRennes / Dortmund6.346.29
33Éver BanegaSevilla / Inter / Argentina6.456.276.40
34Mesut ÖzilArsenal / Alemanha6.406.207.08
35KokeAtletico Madrid / Espanha6.346.144.97
36Ángel Di MaríaParis SG / Argentina6.406.236.37
37Antonio ValenciaMan Utd / Equado6.396.247.04
38Ryad BoudebouzMontpellier6.36
39Virgil van DijkSouthampton6.526.12
40Aminu UmarOsmanlispor6.715.61
41Hakan CalhanogluLeverkusen / Turquia6.326.344.88
42Diego PerottiGenoa / Roma6.585.80
43Dani AlvesBarcelona / Juventus / Brasil5.946.877.00
44A. LacazetteLyon6.366.07
45Wilfred NdidiGenk6.416.99
46Cesc FàbregasChelsea / Espanha6.545.186.27
47N’Golo KantéLeicester / Chelsea / França6.426.50
48T. BakayokoMonaco6.246.57
49Adam LallanaLiverpool / Inglaterra6.555.995.95
50Mats HummelsDortmund / Bayern / Alemanha6.196.415.96

No entanto, a grande surpresa deste lote será, porventura, Wilfred Ndidi (45º). O internacional nigeriano de apenas 20 anos jogava nos belgas do Genk e foi adquirido esta semana pelo Leicester por uma soma a rondar os €18M. A verba pode ter espantado muita gente, mas certo é que o médio foi contratado com o objectivo muito específico de fazer esquecer N’Golo Kanté (47º), que tão importante foi na época passada, e poucos na Europa terão características tão semelhantes às do francês.

Ndidi-Genk-Pepita-de-Ouro-2016
Wilfred Ndidi é a aposta do Leicester para substituir N’Golo Kanté

Entre os outros nomes, destaque para a dupla Mats Hummels (50º) / Virgil van Dijk (39º), os melhores defesas-centrais do ano de 2016, e ainda para Mesut Özil (34º), que caiu vários lugares em relação ao ano passado.

Aminu Umar (40º), a “mota” nigeriana que ainda joga no modesto Osmanlispor, é outro nome a seguir com muita atenção. Ora veja:

11º – 30º

Por este lote já tem uma amostra do quão exigente foi o nosso “top 10”. Nomes como Luis Suárez (29º), Antoine Griezmann (28º), Zlatan Ibrahimovic (14º) ou Dimitri Payet (12º), que muitos esperariam ver entre os dez melhores, não conseguiram alcançar esse desiderato.

#JogadorEquipa(s)GP Rating (Liga)GP Rating (Europa)GP Rating (Euro / CA)
11Toni KroosReal Madrid / Alemanha6.566.457.03
12Dimitri PayetWest Ham / França6.647.46
13Christian EriksenTottenham6.836.13
14Zlatan IbrahimovicParis SG / Man Utd / Suécia6.816.664.69
15Kevin De BruyneMan City / Bélgica6.776.117.09
16Filipe LuisAtlético Madrid / Brasil6.596.306.10
17Andrés IniestaBarcelona / Espanha6.306.447.08
18Jonathan VieraLas Palmas6.39
19Álex PozueloGenk6.686.83
20Xabi AlonsoBayern6.406.40
21Corentin TolissoLyon6.466.46
22Alex SandroJuventus6.646.03
23Lucas MouraParis SG / Brasil6.287.075.05
24FabinhoMonaco6.327.07
25Maxime GonalonsLyon6.386.54
26Miralem PjanicRoma / Juventus6.675.83
27Luka ModricReal Madrid / Croácia6.495.757.08
28Antoine GriezmannAtlético Madrid / França6.256.196.85
29Luis SuárezBarcelona6.495.56
30Philipp LahmBayern6.236.45
Se, com alguma naturalidade, esperava que já tivéssemos esgotado os jogadores do Genk no “top 50”, estava enganado. O espanhol Álex Pozuelo (19º) é talvez a grande surpresa da lista, graças ao fantástico ano que teve, tanto internamente como nas competições europeias. O médio-ofensivo de 25 anos tem uma técnica bastante apurada, é dos maiores criadores de ocasiões da Europa e ainda marca golos de belo efeito, como os que pode ver no vídeo. Não é por acaso que já se fala do interesse dos dois maiores clubes da Alemanha, Bayern e Dortmund, nos seus serviços.

 

O outro craque ainda num clube modesto é Jonathan Viera (18º), do Las Palmas. Dez golos e nove assistências em 33 jogos pelo Las Palmas, pincelados com muita qualidade de passe e uma técnica apurada, também já o colocaram no “radar” dos grandes clubes europeus.

Uma palavra ainda para dois laterais-esquerdos brasileiros, Filipe Luís (16º) e Alex Sandro (22º) os melhores do mundo na sua posição, e para um ex-lateral agora reconvertido em médio-defensivo por Leonardo Jardim: Fabinho (24º). O jovem brasileiro chegou a fazer uma pré-época no Rio Ave, mas depressa se percebeu que a Liga NOS era curta para tanta qualidade, e aí está a prova.

Filipe-Luis-Atletico-Pepita-de-Ouro-2016
Filipe Luís foi o melhor defesa do mundo em 2016

Para além de Ibrahimovic, o médio do Bayern, Xabi Alonso (20º), que ainda recentemente nomeámos como melhor do mundo na arte do livre directo, é o veterano deste top.

>> NA PRÓXIMA PÁGINA: A CONTAGEM DOS DEZ MELHORES

  • Matheus

    Sério que vcs acham que o Thiago é mehor que o Suarez,Neyma,Ronaldo e Bale?? pqp classificação mais bosta que ja vi na minha vida

    • Matheus, leia o artigo. Ler faz bem e vai dar para perceber que a classificação não é “nossa”, é estatística e diz respeito ao ano civil 2016. Ninguém está a dizer “quem é melhor” mas sim quem produziu mais e melhor, no ano civil. Cumprimentos