Akito Fukumori
Consadole Sapporo

GoalPoint-Talentos-J-League-2017-fukumori-infog

Desafiamos os nosso leitores a encontrar dez defesas-centrais com melhor qualidade técnica por essa Europa fora.

Akito Fukumori é o líder da defesa do modesto Consadole Sapporo, que subiu esta época à primeira Liga japonesa, mas está impressionar tudo e todos com o seu fabuloso pé esquerdo. Dono de tudo o que sejam bolas paradas, Fukumori já leva três golos e outras tantas assistências, todos dessa forma.

Forte e rápido para um central, o japonês de 24 anos tem ainda uma boa leitura de jogo e ganha a maioria dos duelos aéreos que disputa, apesar do seu escasso (para quem liga a essas coisas) 1,83m.

Tendo em conta o clube onde joga, seria provavelmente uma pechincha.

Kenyu Sugimoto
Cerezo Osaka

GoalPoint-Talentos-J-League-2017-Sugimoto-infog

É o segundo melhor marcador do campeonato japonês e coleccionou no mês passado a sua primeira internacionalização pela selecção principal. Ainda durante esta semana marcou o seu primeiro golo num amigável contra o Haiti.

Muito alto, forte e igualmente rápido, Sugimoto é a maior esperança do futebol japonês no que a golos diz respeito e é difícil encontrar-lhe algum defeito que o separe de poder vir a ser um grande nome no futebol europeu.

Remata forte com os dois pés e de cabeça, tem qualidade nas desmarcações mas também pode funcionar como alvo de passes longos. Talvez lhe falte alguma frieza na hora de encarar os guarda-redes, visto que esta época falhou 74% das suas ocasiões flagrantes, mas morfologica e tecnicamente Sugimoto é, aos 24 anos, um diamante em bruto.

Kento Misao
Kashima Antlers

GoalPoint-Talentos-J-League-2017-Misao-infog

Ainda muito jovem, está a ter a sua primeira época como titular indiscutível na J. League, como médio mais recuado no meio-campo do campeão e líder, Kashima Antlers.

Se quiser imaginar rapidamente Kento Misao, faça de conta que N’Golo Kanté tinha nascido mais alto e com feições asiáticas. Dono de uma velocidade e pulmão impressionantes, o jovem médio japonês é a “carraça” do meio-campo do Kashima que parece estar em todo o lado, a antecipar e a bloquear linhas de passe, assim como a ir ao choque quando é preciso.

Não sendo um criativo e muito menos um tecnicista, ainda arranjou maneira esta época de somar já quatro assistências, e não seria de espantar que a continuar assim recebesse a prenda de ser chamado ao Mundial.

GoalPoint-Scouting-JLeague-Kento-MisaoSe estiver interessado num serviço de Data Scouting profissional, para este ou outros campeonatos de uma alargada lista, e de acordo com critérios definidos por si, contacte-nos através para o e-mail: [email protected]