Alex Telles é o defesa mais goleador na Europa ⚽

-

TotoRating BannerA 22ª jornada da Liga NOS ficou definitivamente marcada pelo “golaço” que Alex Telles marcou na vitória (sofrida) do FC Porto na recepção ao Portimonense, na noite de domingo. Quando já muitos esperavam um empate caseiro dos “dragões” perante o 17º classificado, eis que o lateral brasileiro tirou um “coelho” da cartola e, de fora da área, arrancou um autêntico “míssil” que só parou no fundo da baliza de Shuichi Gonda.

Telles tem sido (aliás como é hábito desde que chegou ao Dragão) um dos principais municiadores do ataque portista. Para além dos passes para finalização, das ocasiões que constrói e das assistências que faz, os golos também têm surgido com regularidade e o brasileiro é, com surpresa para muitos, o melhor marcador da equipa orientada por Sérgio Conceição, com oito tentos até ao momento, mais um que Tiquinho Soares.

Mas este feito extraordinário de Alex Telles não se cinge apenas ao campeonato português. É habitual vermos defesas goleadores com um peso grande na produção ofensiva das suas equipa – é mais raro que sejam melhores marcadores dos seus emblemas, sobretudo quando as suas equipas disputam o título dos seus países. O lateral brasileiro é, para lá do maior goleador “azul-e-branco”, o defesa com mais golos nas principais Ligas europeias – Inglaterra, Espanha, Itália, Alemanha, França e Portugal.

Top 5 de defesas goleadores na Europa

Em “perseguição” ao portista estão vários jogadores, e destacamos aqui outros quatro que compõem um Top 5 de grande qualidade ofensiva. Com sete tentos esta temporada estão mais três jogadores: Domenico Criscito, do Genoa, de Itália (que marcou no fim-de-semana à Lazio); Robin Gosens, alemão da Atalanta, também da Série A; e Philipp Max, do Augsburg, da Bundesliga alemã. Com seis golos (e autor de um dos tentos da goleada da Roma este fim-de-semana por 4-0, sobre o Lecce) surge o sérvio Aleksandar Kolarov. E cada um tem um peso grande, mas distinto, no total de golos das suas equipas.

Não nos esquecemos do facto de Alex Telles ser o jogador incumbido de marcar as grandes penalidades do FC Porto, bem como livres directos, e esse dado tem impacto nos números do brasileiro, que fez “apenas” três golos de bola corrida. Mas neste Top 5, a verdade é que, tirando Gosens, que fez todos os seus golos de bola corrida, esta é uma lista composta por atletas que tiram grande partido de lances de bola parada – Criscito, por exemplo, fez todos os seus tentos desta forma, Kolarov cinco e Max quatro.

GoalPoint-Euro-Tops-Defesas-Goleadores-201920-infog
Clique para ampliar

É certo que Alex Telles tem mais golos, mas no contexto dos tentos do Porto (47) na Liga NOS, os do brasileiro correspondem a “somente” 17%. Quem apresenta uma maior influência é mesmo Criscito, com 24% do total dos golos que o Genoa (29), seguindo-se Philipp Max, do Augsburg (34), com 21%.

O curioso desta lista é que quatro são defesas-esquerdos, notando-se aqui um forte padrão da importância dos laterais pelo lado “canhoto” na produção atacante das suas equipas. E até Criscito, um defesa-central na maioria das vezes, também tem actuado a lateral-esquerdo, tal como aconteceu no fim-de-semana, contra a Lazio (fez todo o corredor).

Pergunta o caro GoalPointer, e bem: “Mas nem todos têm os mesmos minutos em campo”. É verdade. Por isso mesmo, limitámos a estatística seguinte – os defesas com mais golos a cada 90 minutos – a um mínimo de 990 minutos de utilização, ou seja, metade do total de minutos em 22 jornadas, tendo como base a Liga portuguesa. E até aqui, Alex Telles domina.

GoalPoint-Euro-Tops-Defesas-Goleadores-90m-201920-infog
Clique para ampliar

O portista marca um golo a cada 208 minutos, sendo que regista 0,43 tentos a cada 90 minutos, um pouco acima, mais uma vez, de Criscito, que factura a cada 219. Este segundo Top 5 encerra com outro jogador que não aparece no primeiro, o argentino do Torino, Cristian Ansaldi, que regista 0,33 tentos. E também ele é defesa-esquerdo.

Uma época memorável

Mas a temporada de Alex Telles não é só feita de golos. O brasileiro é também exímio a criar lances de golo para os companheiros de equipa, registando nesta altura da época nada menos que 2,2 passes para finalização por 90 minutos, que já renderam cinco assistências. Para além disso, apresenta uma assinalável eficácia de 21% nos cruzamentos, nunca esquecendo os momentos defensivos – 1,5 desarmes e outras tantas intercepções.

GoalPoint-Portuguese-Primeira-Liga-2018-Alex-Telles-infog
Clique para ampliar

Alex Telles é, por mérito próprio, a grande figura do Porto esta temporada na Liga portuguesa, mas não só, somando também uma assistência na Liga Europa, em apenas sete jogos, e com registo de passes para finalização superior ao do campeonato (2,9). Não é, claramente, obra do acaso.

GoalPoint
GoalPoint
O GoalPoint.pt é um site produzido pela GoalPoint Partners, uma start-up especializada em análise estatística de futebol, que oferece serviços dirigidos a profissionais, media, patrocinadores/anunciantes e adeptos.
GoalPoint

GRÁTIS
BAIXAR