6. “DRAGÕES” MAIS PERDULÁRIOS
Yacine Brahimi (FC Porto)
(foto: J. Trindade)

Apesar de possuírem uma média de idades superior, cenário que contrasta com a época passada, os “dragões” são bem mais perdulários do que os rivais. Enquanto o FC Porto já desperdiçou seis grandes ocasiões de golo, o SL Benfica apenas desaproveitou duas.

Ao nível do aproveitamento, a formação orientada por Rui Vitória totaliza seis grandes ocasiões concretizadas, enquanto a equipa de Lopetegui conta com cinco.

7. “ENCARNADOS” DOMINAM NA POSSE
SL Benfica
(foto: J. Trindade)

Se no ano passado o FC Porto era o rei da posse de bola, os papéis aparecem agora trocados. O SL Benfica possui uma média de 71,8% de posse que supera os 65% atingidos pelos “dragões”. Os “encarnados” têm uma média de 56% dos duelos individuais ganhos, enquanto o FC Porto tem vindo a ganhar apenas 51,5%. Porém, no que concerne aos duelos aéreos, o conjunto de Lopetegui possui uma maior percentagem ao conseguir uns expressivos 61,1% perante apenas os 55,5% atingidos pelos rivais.

> NA PRÓXIMA PÁGINA: O “CARROCEL” DO DRAGÃO AINDA EXISTE?