Arsenal 🆚 Vitória SC | Derrota com sabor a injustiça 👎

-

GoalPoint-Arsenal-Vitória-SC-Europa-League-201920-Ratings
Clique para ampliar

O Vitória de Guimarães esteve a um passo de fazer História em Londres. Na visita ao Arsenal, no jogo mais difícil no Grupo F da Liga Europa, os minhotos marcaram primeiro, deixaram-se empatar, voltaram a colocar-se em vantagem ainda na primeira parte, mas permitiram a reviravolta perto do fim, com Nicolas Pépé a bisar, fixando o 3-2 final. Mas fica a excelente exibição dos vimaranense.

Primeira parte de sonho dos portugueses, que não haviam sequer marcado um golo nas duas anteriores jornadas e partiam para o jogo em Londres como “outsiders”. Mas logo aos oito minutos, o inglês Marcus Edwards, ex-Tottenham, colocou a equipa lusa em vantagem, com um belo trabalho na grande área contrária. Gabriel Martinelli empatou aos 32, mas os minhotos responderam e voltaram a colocar-se na frente pouco depois, numa rápida transição concluída por Bruno Duarte na grande área, após um primeiro disparo ao ferro de Davidson. O Vitória chegava ao intervalo a ganhar no Emirates Stadium e com números muito interessantes.

No segundo tempo o Arsenal continuou a mandar no jogo, mas durante largos períodos os vimaranenses foram mais incisivos no ataque, com mais lances e remates. Unai Emery foi obrigado a lançar Nicolas Pépé e o costa-marfinense, aos 80 minutos, apontou o golo do empate 2-2, na conversão de um livre directo. E da mesma forma fez o 3-2, já em período de descontos, dando a vitória aos “gunners” numa partida em que os portugueses mereciam bem mais do resultado.

O melhor em campo acabou por ser mesmo o marcador dos dois últimos golos do Arsenal, apesar dos poucos minutos em campo. Pépé foi lançado para os londrinos reagirem à desvantagem e conseguiu fazê-lo, com dois golos de livre, nos dois únicos remates que fez, uma ocasião flagrante criada e um GoalPoint Rating de 7.9. Bruno Duarte, com um rating de 6.6, foi o melhor dos minhotos.

GoalPoint
GoalPoint
O GoalPoint.pt é um site produzido pela GoalPoint Partners, uma start-up especializada em análise estatística de futebol, que oferece serviços dirigidos a profissionais, media, patrocinadores/anunciantes e adeptos.