GoalPoint-Australia-Peru-WC2018-Ratings
Clique para ampliar
GoalPoint-Australia-Peru-WC2018-MVP
Clique para ampliar
GoalPoint-Australia-Peru-WC2018-90m
Clique para ampliar

O Peru despediu-se deste Mundial com uma vitória por 2-0, que ajudou a afastar a Austrália, ainda com esperanças à entrada para esta partida. André Carrillo e Paolo Guerreo marcaram os (excelentes) golos do encontro, que teve mais “socceroos” em termos de domínio e remate, mas muita ineficácia ofensiva.

O espírito de luta australiano deu à equipa o domínio no arranque da primeira parte, com o Peru mais à espreita do contra-ataque. E num desses lances, os sul-americanos marcaram, aos 18 minutos, por André Carrillo, através de um excelente remate de primeira a passe de Paolo Guerrero. Um golo ao primeiro remate peruano na partida. E assim ficou o jogo até ao intervalo, com mais “socceroos”, mas Peru mais eficaz. Carrillo era, ao descanso, o melhor em campo, com um rating de 6.4.

O Peru entrou melhor no segundo tempo, chegando aos 55% de posse nos primeiros minutos. E foi nesta altura que os peruanos ampliaram a vantagem para 2-0, pelo seu capitão, Paolo Guerrero, num belo remate na área, à ponta-de-lança. E este foi o ponto alto do segundo tempo. Aliás, os dois golos foram os principais pontos de interesse de um jogo em que a Austrália teve mais bola, rematou quatro vezes mais (14), mas só enquadrou dois disparos. O Peru fez dois golos em quatro remates, três enquadrados.

O melhor em campo acabou por ser o central australiano Trent Sainsbury, com um GoalPoint Rating de 6.3, visto ter somado dois passes para finalização, completado 91% dos passes que fez e registado 94 acções com bola, para além de três intercepções.

GPR-contest-World-Cup-2018-leaderboard-1