Benfica 🆚 Sporting, o que jogaram até agora os rivais 🔥

-

Ano novo, dérbi velho. O ano de 2018 abre com um dérbi lisboeta logo no dia 3 de Janeiro (21h30), e com as equipas separadas por apenas três pontos, próximos que estamos do fecho da primeira volta da Liga NOS 17/18.

Os ingredientes futebolísticos para um grande duelo estão assim reunidos, sem necessidade ou interesse em referirmos o clima de dispensável tensão que existe entre os responsáveis de ambos os clubes, que pouco ou nada tem que ver com futebol e que por isso ignoramos editorialmente.

Passadas 15 jornadas, o que produziram Benfica e Sporting nesta Liga?
Eis os números, seguidos das respectivas curiosidades/conclusões:

GoalPoint-Antevisão-Benfica-Sporting-Liga-NOS-201718-infog
Clique para ampliar

A quantidade de variáveis nas quais o Benfica não só iguala como ultrapassa o desempenho leonino surpreenderá alguns, mas os “leões” acabam por não só liderar como melhorar significativamente (face à época passada) duas variáveis que têm um peso habitualmente determinante na afirmação dos verdadeiros candidatos ao título:

  • O Sporting é a equipa mais eficaz da Liga e uma das mais eficazes da Europa, ao concretizar 18% dos seus remates, um factor determinante, pois o “leão” remata menos que o Benfica e menos do que o fazia, por esta altura, na Liga 2016/17. A taxa de conversão leonina melhorou drasticamente, face aos 12,3% da época passada.
  • Já o Benfica, acabando por manter boa parte do registo que apresentava no mesmo período da época passada, piorou numa variável importante: a percentagem de remates defendidos, agora de 79%, contra 82% em 2016/17. A quebra acaba por ser previsível, face à instabilidade que os “encarnados” vivem na baliza, desde o início de época.
  • A baliza é, aliás, outra área onde o Sporting melhorou claramente face à época passada, com o mesmo… protagonista. Apesar de o “leão” permitir quase o dobro dos remates (11 por jogo contra apenas seis em 16/17), a verdade é que Patrício está muito mais eficaz na relação que vai mantendo com os remates enquadrados, defendendo 81,6% das tentativas do adversário quando o ano passado se ficava por um preocupante 66,7%.
  • O aproveitamento de ocasiões flagrantes de golo dos rivais não é famoso, já que ambos perderam eficácia face à que demonstravam na época passada mas a quebra acaba por ter menos relevância pelo facto de, tanto Benfica como Sporting, gerarem claramente mais ocasiões “na cara do golo” do que o faziam. O Sporting subiu de 1,9 para 2,6 por jogo, enquanto o Benfica saltou de 1,7 para três ocasiões claras por encontro.

Será que estes indicadores contarão para alguma coisa na hora de soar o apito para o arranque do dérbi? Cá estaremos para ver e contabilizar o que a “bola” nos irá oferecer.

GoalPoint
GoalPoint
O GoalPoint.pt é um site produzido pela GoalPoint Partners, uma start-up especializada em análise estatística de futebol, que oferece serviços dirigidos a profissionais, media, patrocinadores/anunciantes e adeptos.
GoalPoint

GRÁTIS
BAIXAR