Braga e Wolverhampton precisavam apenas de um empate para confirmarem o apuramento, mas o jogo foi tudo menos aborrecido, com as duas equipas a oferecerem um festival de golos a todos os que se deslocaram à Pedreira num final de tarde invernal.

Clique para ampliar

O Braga até entrou melhor, abrindo o activo no seu primeiro remate (e único na primeira parte), por intermédio de André Horta, logo aos seis minutos, mas a resposta inglesa não se fez esperar, com o ex-Benfica Raúl Jiménez em destaque: marcou o tento do empate aos 13′ e assistiu mais dois, aos 34′ (Doherty) e 35′ (Adama Traoré), garantindo a vantagem com que os visitantes chegariam ao intervalo.

Os bracarenses regressaram do descanso mais afoitos ofensivamente, somando três remates ainda antes dos 65′, o que viria a dar resultados, com Galeno a assistir Paulinho que, no coração da área, reduzia o prejuízo “arsenalista”. O remate bracarense seguinte surgiu apenas aos 79′ mas bastou, com Fransergio a cabecear para o empate que apurava o Braga para a próxima fase da Liga Europa, mantendo os minhotos no primeiro posto do grupo, num jogo em que o lateral Sequeira terminou como Homem do Jogo GoalPoint, com duas assistências.