O México continua imparável neste Mundial e somou, este sábado, a segunda vitória no Grupo F. Para tal muito tem contribuído, também, a coesão defensiva que vem demonstrando na Rússia. E neste aspecto, os “aztecas” têm um “guerreiro” de números verdadeiramente especiais nesta fase final. Carlos Salcedo é, neste momento, um muro autêntico, a bloquear os remates dos adversários.

GoalPoint-Carlos-Salcedo-Facto-do-dia-Mundial-2018-infog
Clique para ampliar

Isto mesmo que acabou de ler. Salcedo, defesa-central do Eintracht Frankfurt, de 24 anos, já bloqueou oito remates dirigidos à baliza de Ochoa, o dobro do registo de outros jogadores que mais se aproximam do mexicano nesta variável. Aliás, 28 guarda-redes das 32 selecções em prova não têm tantas defesas quanto os bloqueios de Salcedo.

Mas este dia de jogos tem outros factos que merecem destaque:

  • O penálti convertido por Carlos Vela ante a Coreia do Sul, pelo México, foi o 14º castigo máximo registado no Mundial de 2018 – mais um do que os assinalados no Brasil 2014, em 68 jogos. Bastaram 28 partidas para se atingir este número.
  • A Coreia do Sul foi a primeira equipa a sofrer o segundo golo de grande penalidade no decurso deste Mundial.
  • Javier Hernandez tornou-se no terceiro jogador mexicano a marcar em três Mundiais diferentes, após ter facturado em 2010 e 2014. Os outros são Cuauhtémoc Blanco (1998, 2002 e 2010) e Rafael Márquez (2006, 2010 e 2014).

  • O golo de Toni Kroos à Suécia, aos 94’42”, é o tento que a Alemanha marcou mais tarde num jogo de um Mundial (tirando, claro está, prolongamentos).

  • Romelu Lukaku bisou e tornou-se no jogador com mais golos pela Bélgica em fases finais de grandes competições (Euro e Mundial), com oito tentos.

Confira todos os ratings e análise do Alemanha – Suécia neste link, obrigado!