Se nos segue habitualmente, o nome de Cauê já lhe deve ser familiar. O médio-defensivo brasileiro, que regressou esta época a Portugal para jogar no Moreirense, tem sido uma das figuras dos cónegos, e é um de sete jogadores que já foi considerado melhor em campo em (pelo menos) três ocasiões.

Apesar de não ter sido o melhor em campo frente ao Chaves, o “trinco” conseguiu mais um feito digno de registo. Pela primeira vez esta época na Liga NOS, um jogador atingiu a dezena de desarmes num só jogo. Até ao passado Sábado, o registo máximo pertencia a Victor García do Nacional, quando somou nove desarmes no jogo contra o Benfica, mas com os onze roubos de bola que conseguiu em Trás-os-Montes, Cauê juntou-se a um restrito lote de quatro jogadores que o tinham conseguido ao nível dos principais campeonatos europeus.

#JogadorEquipaAdversárioDesarmes
1JungwirthDarmstadtLeverkusen (F)12
2GutiérrezBetisSevilla (F)11
2FabinhoMonacoMetz (F)11
2GonalonsLyonBastia (C)11
2CauêMoreirenseChaves (F)11

Fonte: GoalPoint / Opta

No entanto, O melhor “desarmador” na Europa, no entanto, não é nenhum dos homens acima referidos. O senegalês Idrissa Gueye, contratado esta época pelo Everton ao Aston Villa, faz uma média de 5,1 desarmes a cada 90 minutos, quase mais dois que Cauê.

#JogadorClubeDesarmes / 90m
1GueyeEverton5,1
2PetrosBetis5,0
3Victor GarcíaNacional4,9
4Lass DiarraMarseille4,8
5Mikel AguVit. Setúbal4,7
7Fábio PachecoVit. Setúbal4,5
14Enzo PérezValencia4,1

Mínimo de 670 minutos jogados nas seis principais ligas da Europa
Fonte: GoalPoint / Opta

Curioso o facto de encontrarmos três jogadores da Liga NOS no top 10, sendo que dois deles actuam no Vitória de Setúbal.

Deixamos-lhe o perfil de desempenho de Cauê na Liga NOS esta época:

caue-moreirense-perfil-desempenho
Clique para ampliar