O CSKA de Moscovo bateu o Sporting CP por 3-1 e afastou os “leões” da fase de grupos da Liga dos Campeões. E se o resultado já é negativo para os “verde-e-brancos”, o que dizer do desfecho, tendo em conta que, a 45 minutos do final da partida, o Sporting tinha a eliminatória a seu favor precisamente… por três golos a um. Mas vamos ao jogo e aos números.

CSKA vs Sporting CP - Onzes
Clique na infografia para ampliar (infografia: GoalPoint)

Antes da partida a dúvida estava instalada: apostaria Jesus no 4x4x2 habitual ou daria novo corpo (e nomes) ao “leão”, reforçando o meio-campo? Uma dúvida clássica com Jorge Jesus, que já vinha dos tempos do Benfica. O anúncio do “onze” desfazia as dúvidas: o treinador português retirava Slimani e lançava Aquilani, que juntamente com Adrien apoiava João Mário, com Ruiz e Carrillo nas alas e Gutiérrez solto na frente.

CHAMPIONS MAIS QUE GARANTIDA… AO INTERVALO

CSKA vs Sporting CP - 1º Tempo
Clique na infografia para ampliar (infografia: GoalPoint)

O primeiro tempo revelava um CSKA aparentemente interessado na mesma postura de contra-ataque (sem grandes consequências) que patenteou em Alvalade face a um Sporting controlador, pouco aventureiro mas tremendamente eficaz: os “leões” atingiam o intervalo a vencer na sequência do único remate enquadrado (de dois efectuados) que desferiu, num bonito golo marcado por Teo Gutiérrez após assistência de João Pereira. Apesar de uma maior pressão nos últimos 15 minutos por parte dos moscovitas o “leão” ia para o descanso com a eliminatória na mão e com a partida aparentemente controlada.

> NA PRÓXIMA PÁGINA: O SEGUNDO TEMPO E O HOMEM DO JOGO