Dominik Szoboszlai, o “diamante” magiar que todos querem 🔥

-

Dominik Szoboszlai. Fixem este nome. O húngaro é, aos 20 anos, um dos jogadores mais cobiçados da actualidade e as últimas exibições que tem rubricado, quer ao serviço do Red Bull Salzburg, quer com as cores magiares da Hungria – foi o autor do golo decisivo ante a Islândia que colocou a selecção na rota da fase final do próximo campeonato da Europa onde será adversário de Portugal  –, são apenas os últimos lampejos de um diamante que não tem limites.

Neste curto percurso, que teve no primeiro capítulo no Videoton, já contabilizou duas passagens por empréstimo ao Liefering, mas desde a temporada transacta que é um indiscutível no xadrez do Salzburg: na temporada 2019/2020 totalizou 40 partidas oficiais – Liga austríaca, Taça da Áustria, fase de grupos da Liga dos Campeões e Liga Europa -, apontou 12 golos, assinou 18 assistências, sendo peça imprescindível na conquista da “dobradinha”. No decurso desta época já soma 13 encontros oficiais, cinco tiros certeiros e nove passes para golo. Por tudo isto, a lista de clubes interessados no criativo vai crescendo dia após dia – aos nomes de AC Milan e Arsenal, que estiveram próximos de assegurar os seus préstimos no último mercado de Verão, acrescentam-se os do Real Madrid, Atlético Madrid, Arsenal, PSG, Bayern Munique, Leipzig e… do Benfica, e Porto, de acordo com a imprensa internacional.

“A nossa estratégia não irá mudar por causa de um ou dois jogos. Seja em Janeiro ou no Verão, o mais importante é que Szoboszlai irá para um lugar onde acreditamos que terá uma boa oportunidade para jogar e continuar a desenvolver aquilo que começou no Salzburg. Obviamente não estou a revelar nenhum segredo quando digo que Dominik está cada vez mais próximo de sair do campeonato austríaco”, revelou o agente do atleta, Esterházy Mátyás.

O actual vínculo do internacional húngaro – tem 12 internacionalizações e três golos – irá vigorar até 31 de Maio de 2022 e, segundo o Transfermarkt, tem um valor de mercado cifrado nos 25 milhões de euros.  

GoalPoint-Dominik_Szoboszlai_2019_vs_Dominik_Szoboszlai_2020-infog
Clique para ampliar

Mas quem é o jovem de que todos falam? Szoboszlai, que assinou o primeiro contrato profissional com apenas 17 anos, é um camisola “10” que actua quase sempre a partir do corredor esquerdo, onde fomenta as fortes diagonais para a zona central que tanto gosta de fazer e que accionam tanto o forte remate que tem, como outras das suas características, as assistências. Utilizando preferencialmente o pé direito, é fortíssimo nos lances de um-contra-um, um tecnicista nato e um talento com um 1,86m e 82 quilos.

“É uma jóia, semelhante a Kai Havertz. Na Hungria já o comparam ao grande Ferenc Puskas. Em Janeiro poderá ser contratado pelo Leipzig, mas estou convencido que o nome dele figura na lista de todos os clubes de topo do continente, incluindo o Bayern Munique”, atirou o antigo jogador e treinador do Red Bull Salzburg, Lothar Matthäus, em declarações ao diário alemão Abendzeitung.

Na edição passada da Liga dos Campeões realizou cinco partidas, apontou um golo ao Genk, fez ao todo 12 remates, 16 acções defensivas, completou com êxito dois dribles e somou cinco passes para finalização. Mas nesta já melhorou bastante esses números. Juntando os que totalizou em 2019/20 aos que acumulou nestas primeiras três rondas da prova, tem: 2,6 remates por 90 minutos, 0,8 enquadrados, 1,9 passes para finalização (1,1 de bola parada), 3,4 passes ofensivos valiosos, 80% de eficácia global de passe, 2,2 tentativas de drible (uma eficácia de apenas 19%) e 4,1 acções defensivas.

Os jogos de Szoboszlai esta época na Champions

Nos primeiros três jogos da actual edição da Champions, o húngaro foi sempre titular e não deixou de ter impacto, mesmo que a turma da Áustria ainda não tenha vencido. Na estreia, diante do Lokomotiv de Moscovo (2-2), dos três remates feitos, dois foram em direcção ao alvo e um redundou em golo. Além disso, fez dois passes para finalização, quatro passes valiosos e registou impressionantes 11 recuperações de posse.

Na segunda jornada deste Grupo A, ante o Atl̩tico de Madrid, apenas os requintes de Jọo F̩lix, que bisou na ocasịo, conseguiram passar para segundo plano os n̼meros de Szoboszlai, que teve uma converṣo de 50% no que concerne aos remates Рdois remates e um golo Рe fez tr̻s passes para finaliza̤̣o, e real̤amos ainda o contributo que teve em termos defensivos: seis recupera̵̤es de posse. Ante o Bayern Munique esteve mais apagado, mas mesmo assim conseguiu gizar uma ocasịo clara de golo, em quatro passes para finaliza̤̣o, e realizar fazer dois remates.

Depois de Haaland, que não precisou de tempo para começar a fazer estragos ao serviço do Borussia Dortmund, mais uma descoberta “made in Red Bull” está prestes a explodir.

GoalPoint
GoalPoint
O GoalPoint.pt é um site produzido pela GoalPoint Partners, uma start-up especializada em análise estatística de futebol, que oferece serviços dirigidos a profissionais, media, patrocinadores/anunciantes e adeptos.
GoalPoint

GRÁTIS
BAIXAR