Dortmund em ebulição

Mais um jogo, mais uma derrota (caseira) e cada vez mais último. Parece ser este o inacreditável destino súbito do Borussia Dortmund nesta época, sem que ninguém saiba explicar muito bem porquê. Pouco mudou com a interrupção de inverno a não ser a paciência e espirito positivo dos adeptos bávaros que começam a dar sinais claros de desespero. É nesses momentos que sobreassaem os verdadeiros “capitães”, como é o caso de Hummels e Weidenfeller, que se dirigem aqui à mítica bancada “sul” numa tentativa de pacificação do ferido orgulho “amarelo”.