FIFA 18 | As primeiras impressões 📝

-

Com a EA a antecipar o lançamento da demo de FIFA 18, são já muitos aqueles que vão testando a nova edição do popular jogo. Fica sempre a dúvida se a versão final corresponderá totalmente à demo disponibilizada, mas aqui ficam as nossas primeiras impressões sobre o mais popular videojogo de futebol, a par de Football Manager (noutro campeonato).

Nota: teste realizado na versão Playstation 4.

O que realmente interessa saber…

  • Jogabilidade – Quanto mais avançado for o “utilizador” mais rapidamente notará as diferenças face a FIFA 17, no que toca a jogabilidade. O simples facto de não serem imediatamente visíveis acaba por ser positivo, não deixando a sensação de que tudo o que se aprendeu irá “janela fora”, mas passado uns minutos as novidades começam a fazer-se notar…
  • Acabaram-se as “rodinhas” na defesa – Na edição 2017 a fase defensiva era bastante apoiada pela IA (CPU). Nesta versão tudo parece mais manual na hora de defender, o que provavelmente irá cavar um fosso maior entre os que mais depressa dominem a arte e aqueles que se limitarão a resmungar por a coisa estar mais difícil. Os desarmes parecem mais lentos e menos automáticos mas eles estão lá… só que exigem, agora, como em tudo o resto, muito mais sentido posicional e timing na hora de decidir pressionar o botão.
  • Aqueles jogadores especiais – Os grandes craques fazem-se notar com maior evidência, não só pelas suas qualidades, mas pela facilidade com que são identificáveis (motricidade). Compare-se a forma de correr com bola de Ronaldo, Neymar e Kanté e percebe-se que a EA evoluiu um patamar neste pormenor, com estas alterações a possivelmente alterarem a eficácia de certas opções que se podem tomar com um ou outro jogador.
  • Atenção aos ágeis  – O drible de corpo, de mera movimentação, sem recurso a “combos” ao velho estilo Tekken, parece ter sido valorizado, o que se torna especialmente visível nos jogadores que melhor uso podem fazer dele (não necessariamente apenas os que têm stats de drible mais elevadas, mas também os que têm baixo centro de gravidade). A agilidade, naqueles que a possuem, parece mais notória e capaz de resolver problemas/retirar adversários da frente.
  • Cruzamentos e Remates – Se no caso dos remates não havia grandes problemas a registar em FIFA 17, já no caso dos cruzamentos o problema era notório. De “muleta” de fácil acesso em FIFA 16, o cruzamento passou a constituir um quase desperdício de jogo na edição vigente. A EA procura agora o equilíbrio, ficando claro na demo que o lançamento de bolas para a área a partir das alas (indo à linha ou cruzando por antecipação) voltará a ser sinónimo de perigo, ainda que muito dependente da qualidade do timing da opção. Já no que toca aos remates esta demo deixa a ideia de que as “bombas” serão mais frequentes e que os golos de “finesse”, mesmo a média/longa distância, serão igualmente mais vistos. Apesar da satisfação que deixa a marcação de grandes golos, fica a dúvida sobre se o gesto não estará demasiado overpowered, algo que apenas a versão final e o somar dos jogos ajudará a esclarecer.

…e o resto

  • Graficamente nota-se a natural maior qualidade (provavelmente mais visível em ecrãs 4K), embora o jogo pareça ter escurecido um pouco na globalidade, um pormenor a confirmar com mais jogos, horários e estádios, tendo em conta a tendência da demo para nos oferecer jogos nocturnos.
  • É possível já experimentar/observar outros pormenores, desde aqueles que afectam a jogabilidade (ex.: substituições rápidas, a “correcção” de um sistema de marcação de penáltis que frustrou muitos jogadores) aos mais cosméticos (público bastante mais realista).
  • As dúvidas sobre a evolução dos modos de jogo The Journey e Modo Carreira ficam para a versão final visto que apenas o primeiro é introduzido nesta demo e já não é propriamente uma novidade, ao contrário do que sucedeu há um ano.

O FIFA 18 tem data de lançamento em Portugal marcada para 29 de Setembro e nós cá estaremos para confirmar ou complementar estas primeiras impressões bem como oferecer outras abordagens originais.

GoalPoint
GoalPoint
O GoalPoint.pt é um site produzido pela GoalPoint Partners, uma start-up especializada em análise estatística de futebol, que oferece serviços dirigidos a profissionais, media, patrocinadores/anunciantes e adeptos.
GoalPoint

GRÁTIS
BAIXAR