Foi golo? Salta-me para os braços filho!

O Atlético de Madrid – Real Madrid a contar para a Taça do Rei teve ontem um momento curioso: o treinador “atleti” Diego Simeone festejava com a garra de sempre mais um golo da sua equipa no derby quando lhe surge ao caminho um apanha-bolas carente de festejos cooperativos. Acontece que o dito apanha-bolas era, nem mais nem menos, o seu filho.

https://vine.co/v/Oph5XLwFOln