Football Manager vai servir clubes da Premier (e não só)

(fonte: ProZone)
O Prozone Recruitar irá incorporar informação oriunda do Football Manager (fonte: Prozone)

Já aqui havíamos referido que a relação entre os videojogos e o mundo do futebol profissional vai muito para lá do lado recreativo expectável, com tantos jogadores e treinadores a transportarem para as suas horas de lazer o mesmo tema que define as suas vidas. Tal como o Everton FC já havia feito em 2008 é agora a multinacional Prozone, especializada na recolha e tratamento de dados de desempenho, a assinar com a Sports Interactive (editora do famoso Football Manager) um acordo tendo em vista a utilização da base de dados do célebre simulador de gestão futebolística em conjunção com o seu ProZone Recruiter, um produto/serviço dirigido aos gabinetes de scouting/recrutamento dos clubes clientes (nos quais se contam entre tantos outros Arsenal, Everton e Paris Saint Germain).

O objectivo da ProZone é nomeadamente combinar os dados biográficos, contratuais e posicionais dos jogadores, oriundos da Sports Interactive, com a informação estatística e registo vídeo por si recolhida, tratada e analisada. Caso não saiba a base de dados do famoso videojogo é enriquecida em permanência por uma rede de cerca de 1.300 olheiros espalhados pelo Mundo. Se até há pouco tempo o facto de dirigentes e treinadores recorrerem ao “FM” como complemento das suas análises de mercado era um mito, com (algumas) assumidas ligações à realidade, o mito passa agora a uma realidade objectiva e trabalhada em parceria pelas duas empresas.

Mais sobre o Prozone Recruiter: