Já não é possível ignorar o excelente arranque de época protagonizado por Dyego Sousa. O avançado voltou a ser determinante na vitória bracarense na recepção ao Vitória de Setúbal, marcando os dois golos caseiros que colocam os “guerreiros do Minho” no topo da classificação, colados precisamente ao próximo adversário que irão defrontar: o campeão FC Porto. O luso-brasileiro foi naturalmente o homem da partida.

GoalPoint-Braga-Setúbal-LIGA-NOS-201819-MVP
Clique para ampliar

A lesão precoce do goleador bracarense da época passada, Paulinho, fez soar os alarmes na Pedreira, mas Dyego não só anulou os efeitos negativos do contratempo, como arrancou para uma época que pode vir a tornar-se inesquecível para um jogador que conhece o futebol português desde 2010, quando chegou para envergar as cores do Leixões. Ao todo Dyego já soma dez golos e quatro assistências em todas as competições, dos quais sete tentos e três ofertas na Liga NOS, prova cuja “artilharia” lidera, com mais dois golos do que Nani (Sporting CP).

GoalPoint-Portuguese-Primeira-Liga-2018-Dyego-Sousa-1-infog
Clique para ampliar

Com uma acção para golo a cada 69 minutos, o brasileiro reclama influência directa ou indirecta em 52% dos golos “arsenalistas”, números que até podiam ser mais elevados, caso registasse uma taxa de conversão de remate ainda mais vistosa (21,2%), ou não fosse Dyego o segundo jogador mais rematador da Liga (4,3 disparos a cada 90 minutos).

Mas os feitos de Dyego Sousa até este momento não se ficam por aqui:

  • Todos os seus (sete) golos foram obtidos de bola corrida: três de cabeça, outros três com o pé direito e um com o esquerdo
  • Três das seis vitórias bracarenses na Liga só foram possíveis graças aos golos de Dyego: frente ao Nacional, Sporting e Vitória de Setúbal
  • Sousa é o bracarense com mais assistências para golo (3), sendo apenas ultrapassado em toda a Liga por Pizzi (4) neste capítulo
  • Das três situações cara-a-cara com o golo (ocasiões flagrantes) de que dispôs na Liga apenas desperdiçou uma
  • Lidera o ranking de jogadores com mais eleições para Melhor em Campo GoalPoint da partida, com quatro, a par de Pizzi (Benfica)

Não admira que seja possível encontrar nas “redes” pedidos para Fernando Santos dar uma oportunidade ao brasileiro que também já é português. A aventura de Dyego Silva prossegue na próxima jornada, no Dragão.