Jogador do mês | Galeno prova que o banco não é para ele ⭐

-

TotoRating Banner

T reinador novo, métodos e sistemas diferentes, a mesma “música”. Já na época passada o Sporting de Braga teve cinco técnicos, diversos modelos de jogo, e nem por isso a equipa deu mostras de quebra, recuperando o terceiro lugar. Um dos protagonistas de 2019/20 na Pedreira foi Wenderson Galeno e nem o novo treinador (Carlos Carvalhal) nem a perda inicial da titularidade tiveram qualquer impacto na produtividade do brasileiro.

O arranque de Liga pode ter sido tímido e a partir do banco, mas Galeno chega ao fim dos primeiros cinco jogos como Jogador do Mês GoalPoint Ratings, referente a Setembro e Outubro, o melhor no universo de futebolistas com mais de 300 minutos de utilização. Enquanto Carvalhal o colocou no banco o Braga baqueou. A partir do momento em que o “mister” lhe deu a titularidade os “gverreiros” venceram sempre e Galeno somou golos, assistências, passes, dribles e outros registos que lhe valeram um rating acumulado de 7.73, o melhor registo individual do arranque 20/21.

GoalPoint-Jogador-do-mes-Outubro-2020-Wenderson Galeno-Braga-1-infog
Clique para ampliar

No período em análise, Galeno fez dois golos e outras tantas assistências (um peso de 57% nos golos do Braga, somando tentos e passes para golo, enquanto esteve em campo), mas a sua qualidade estendeu-se muito para lá deste factor. Ainda que tenha disputado apenas 68% dos minutos possíveis nas primeiras jornadas, o brasileiro foi o segundo jogador da Liga NOS com mais passes para finalização em termos absolutos. Foram 11 no total (3,2 em média por 90 minutos), com destaque para os quatro realizados na terceira jornada e os cinco na quarta. E também foi o segundo atleta com mais acções com bola na área contrária, apenas atrás das 39 de Jesús Corona.

Curiosamente menos propenso ao drible do que aquando da eleição semelhante obtida em 19/20, Galeno tentou ainda assim o drible em 14 ocasiões, com sucesso em oito (57% de eficácia). Outro aspecto em destaque no jogo de Wenderson é o número de passes ofensivos valiosos (a menos de 25 metros da baliza contrária) que acumula: foram 19 nos 306 minutos jogados. Sendo um extremo, o ex-Porto não enjeita o cruzamento sempre que pode, sabendo que na área tem um cabeceador de qualidade em Paulinho. Galeno é, nesta altura, o jogador da Liga com mais cruzamentos de bola corrida por 90 minutos (5,3), acima de um dos “reis” do cruzamento do futebol português, Ricardo Quaresma (5,2), embora não ultrapasse os 17% de eficácia, uma eficácia um pouco abaixo da média.

GoalPoint-Portuguese-Primeira-Liga-2018-Wenderson-Galeno-infog
Clique para ampliar

Recital em Tondela, pesadelo para o Nacional

O ponto alto nestes cinco desafios aconteceu à terceira jornada. O Braga vinha de duas derrotas seguidas, por 3-1 na visita ao FC Porto e por 1-0 na recepção ao Santa Clara. As dúvidas começaram a surgir sobre a época “arsenalista”, mas na deslocação a Tondela, os comandados de Carvalhal deram uma demonstração de poder e qualidade. Vitória por 4-0 e um “virar de mesa” para a equipa, sob a batuta de Galeno, na sua primeira titularidade.

[ Os “statscards” das duas melhores exibições de Galeno nestas 5 jornadas ]

Nesta partida o extremo apontou dois golos em três remates, dois deles enquadrados. Além do bis, uma assistência, nos tais quatro passes para finalização que falámos anteriormente, mais quatro passes valiosos e cinco acções com bola na área beirã. E desengane-se quem pensa que o brasileiro não ajuda nos processos defensivos, pois foram oito as recuperações de posse ao longo da partida. No final, um extraordinário 9.8, a roçar a perfeição.

[ O primeiro golo de Galeno ao Tondela ]

Destaque também para a partida em Braga frente ao Nacional, que os minhotos venceram por 2-1. Só a exibição de grande categoria de Fransérgio tirou o MVP GoalPoint a Galeno, autor de uma excelente exibição: um golo, cinco passes para finalização, três dribles eficazes em cinco tentativas, mas também 19 acções com bola na grande área contrária, o número mais alto que um jogador atingiu até ao momento na Liga NOS 20/21 num só encontro – algo bem visível no “heat map” -, mais seis que as 13 de Jesús Corona, do Porto, em casa com o Marítimo.

Parabéns Wenderson!

Descubra neste link todos os Jogadores do Mês GoalPoint da Liga NOS.

Não perca, em breve, o anúncio dos restantes dez magníficos que acompanham Wenderson Galeno no “onze” GoalPoint Ratings de Setembro/Outubro de 2020!

Notas metodológicas:

  1. O GoalPoint Rating mensal é atribuído com base no desempenho consolidado de cada jogador no somatório dos minutos disputados ao longo do período em análise e não sobre a média de cada rating que lhe é atribuído em cada jogo.
  2. Os dados estatísticos de cada partida são auditados, até 48 horas após o término do jogo, pela Opta, o nosso provedor e parceiro estatístico. Tal revisão, que visa garantir a qualidade e fiabilidade para fins profissionais (vide mais informação em GoalPoint Pro), tem impacto nos dados de desempenho agregados dos jogadores e, consequentemente, o seu GoalPoint Rating acumulado.
GoalPoint
GoalPoint
O GoalPoint.pt é um site produzido pela GoalPoint Partners, uma start-up especializada em análise estatística de futebol, que oferece serviços dirigidos a profissionais, media, patrocinadores/anunciantes e adeptos.
GoalPoint

GRÁTIS
BAIXAR