E a lógica imperou na Taça Libertadores, o principal torneio de futebol da América Latina. É verdade que não foi fácil, mas todos os cinco clubes brasileiros se classificaram para as oitavas-de-final, superando, assim, seu principal rival: los hermanos argentinos.

A Argentina era o país com mais representantes: seis, mas apenas quatro avançaram. Só que o destino quis colocar frente-a-frente as equipas do mesmo país já nos próximos confrontos.

No lado brasileiro, o Cruzeiro (atual bicampeão nacional) encara o São Paulo (tricampeão da Libertadores). Além disso, o Internacional (bicampeão continental) joga contra o Atlético-MG (último brasileiro a conquistar o torneio, em 2013). Quem se deu bem foi o Corinthians, primeiro a garantir a vaga, que vai pegar o acessível Guaraní do Paraguai.

Do lado argentino, que viu o atual campeão San Lorenzo (o time do papa Franciso) ser eliminado na primeira fase, haverá um super-clássico: Boca Juniors e River Plate, que fará tremer Buenos Aires. Já o Racing vai jogar contra o Wanderers do Uruguai, e o Estudiantes terá pela frente o Independiente Santa Fé da Colômbia.

Os outros confrontos das oitavas são: Tigres (México)-Universitario de Sucre (Peru) e Atlético Nacional (Colômbia)-Emelec (Equador).

Eis alguns dos melhores momentos dos 16 apurados com uma breve antevisão dos duelos em perspectiva:

Certeza agora só uma: nas quartas-de-final haverá pelo menos dois brasileiros e um argentino, mas isso já é lógica, e não palpite.

Eis o quadro completo das partidas dos oitavos-de-final da Libertadores (a verde as equipas brasileiras que disputam esta frase da prova):

[vc_table vc_table_theme=”simple”][align-center],|[align-center]River%20Plate%20(ARG),[align-center]Boca%20Juniors%20(ARG)|[bg#b2d6a0;b;align-center]S.%20Paulo%20(BRA),[bg#b2d6a0;b;align-center]Cruzeiro%20(BRA)|[align-center]Guarani%20(PAR),[bg#b2d6a0;b;align-center]Corinthians%20(BRA)|[align-center]M.%20Wanderers%20(URU),[align-center]Racing%20(ARG)|[align-center]Universit%C3%A1rio%20(PER),[align-center]Tigres%20(MEX)|[align-center]A.%20Nacional%20(COL),[align-center]Emelec%20(ECU)|[bg#b2d6a0;b;align-center]A.%20Mineiro%20(BRA),[bg#b2d6a0;b;align-center]Internacional%20(BRA)|[align-center]Estudiantes%20(ARG),[align-center]I.%20Santa%20F%C3%A9%20(COL)[/vc_table]

A primeira mão disputa-se entre 5 e 7 de Maio e a segunda entre 12 e 14 do mesmo mês com excepção do duelo entre o Universitário e o Tigres, antecipado para 28 de Abril e 5 de Maio respectivamente.