A 22ª jornada da Liga NOS não trouxe mexidas significativas no topo da tabela, mercê da vitória dos “três grandes” nos respectivos compromissos. O Benfica começou por ir ganhar 3-1 ao terreno do Portimonense, antes do FC Porto golear no terreno do Chaves e o Sporting sofrer para derrotar o Feirense no Estádio José Alvalade – numa partida em que a formação liderada por Jorge Jesus rematou como nunca.

Esta superioridade dos candidatos ao título ditou um domínio dos “três grandes” nos “tops” da jornada 22, como pode conferir no final deste artigo. Porém, esse facto não influencia sobremaneira o nosso “onze” da jornada. Aliás, não tem quase nenhuma relação. Poderá estranhar, o caro leitor, que tal aconteça, mas apenas demonstra a riqueza dos nossos GoalPoint Ratings, que não premeiam apenas a competência numa só variável, mas num vasto conjunto de indicadores devidamente ponderados.

Sendo assim, temos uma equipa da ronda com quatro jogadores dos “grandes”, o FC Porto com dois, Sporting e Benfica com um representante único – as “águias” emprestam mesmo o melhor jogador da jornada. Um dos “dragões” é o único repetente em relação à jornada anterior, um jogador que começou a temporada entre as segundas escolhas, mas que está a provar ser um dos destaques desta segunda volta. E o jogador leonino em questão é uma estreia absoluta nas equipas da jornada em 2017/18 – há, nesta semana, quatro estreias nas escolhas da temporada.

Destaque ainda para o Sp. Braga, com dois jogadores, e para o facto de apenas três atletas terem registado ratings inferiores a 7.0. Eis os craques em destaque nesta ronda:

GoalPoint-onze-Liga-NOS-201718-J22-infog
Clique para ampliar

 

Caio Secco (Feirense) 6.9 – O Sporting esteve 78 minutos à procura do golo, mas viu-se em sérias dificuldades perante a grande exibição de Caio Secco. O guarda-redes brasileiro terminou a partida com nove defesas, igualando o recorde da Liga NOS 2017/18 que pertencia a Jhonatan Luiz, do Moreirense, e Quim, do Aves. Quatro dessas paradas surgiram a remates de dentro da grande área, e ainda registou três saídas a soco.

Maxi Pereira (FC Porto) 7.1 – O uruguaio aproveitou e de que maneira a oportunidade de regressar ao “onze” portista, com uma bela exibição em Chaves. O veterano lateral registou uma assistência para golo (de Soares) em dois passes para finalização, teve sucesso nas duas tentativas de drible e somou dez acções defensivas. Uma estreia nas nossas equipas esta temporada.

Felipe Macedo (Portimonense) 6.9 – O Benfica estava a ganhar em Portimão, até que surgiu o central brasileiro a cabecear para o 1-1 e a colocar pressão nos “encarnados”. Na retaguarda esteve competente, com 12 acções defensivas, seis delas alívios, com um desarme providencial ao último homem pelo meio. Uma exibição que lhe valeu a estreia nas nossas equipas da semana.

Raúl Silva (Sp. Braga) 7.3 – O central do Braga está pela quinta vez nas nossas escolhas, o que diz bem da excelente época que está a protagonizar. No triunfo minhoto sobre o V. Setúbal, Raúl rematou três vezes e fez um golo, e ainda sofreu uma falta que deu grande penalidade para a sua equipa.

Talocha (Boavista) 6.3 – Espantado? Nós também. Esta semana não temos Alex Telles no lugar de lateral-esquerdo. O eleito é Talocha, do Boavista. Apesar do rating não ser dos mais elevados, a verdade é que o “axadrezado” foi o melhor da jornada na sua posição, graças a uma assistência em dois passes para finalização, dois dribles eficazes em três tentativas, três desarmes e cinco alívios. Uma estreia.

William Carvalho (Sporting) 7.8 – O “trinco” do Sporting também surge pela primeira vez neste nosso “onze”, tudo graças à prestação ante o Feirense, que abriu portas à vitória leonina. O internacional português fez o 1-0 – um golo em quatro remates, um enquadrado -, criou uma ocasião flagrante em três passes para finalização e teve sucesso em duas de três tentativas de drible.

Sérgio Oliveira (FC Porto) 7.6 – O único repetente em relação à jornada 21. O médio do FC Porto começou a época como “arma secreta” na Liga dos Campeões, mas tem aproveitado totalmente a oportunidade a titular no “dragão” após a lesão de Danilo Pereira. O médio voltou a marcar um golo e, em Chaves, registou ainda uma assistência em três passes para finalização e três desarmes.

João Novais (Rio Ave) 7.4 – O versátil médio-ofensivo vilacondense continua a deslumbrar e, na vitória clara sobre o Marítimo, voltou a marcar, o seu oitavo golo nesta Liga NOS. E fê-lo na sequência de quatro remates, dois deles enquadrados. Para além disso registou ainda uma assistência em dois passes para finalização.

Ricardo Esgaio (Sp. Braga) 7.1 – O ala bracarense continua a fazer uma bela época e, ante os sadinos, marcou um golo, no único remate que realizou. Mas a exibição do ex-Sporting ficou marcada também pelo que construiu, com uma ocasião flagrante criada em três passes para finalização; e pelo que destruiu, ao registar quatro desarmes.

Franco Cervi (Benfica) 8.9 – O melhor jogador da jornada. O extremo do Benfica bisou e foi fundamental na vitória dos campeões nacionais no Algarve. Para além dos dois tentos, conseguidos em três remates (todos enquadrados), criou ainda duas ocasiões flagrantes em três passes para finalização e registou quatro desarmes. Uma exibição para recordar.

Tomané (Tondela) 7.5 – Os beirões continuam a surpreender nos jogos fora de casa e, desta feita, foram vencer ao terreno do Paços de Ferreira. O melhor em campo foi o seu avançado Tomané, que não marcou, mas registou uma assistência e criou uma ocasião flagrante, em quatro passes para finalização. E ainda ganhou quatro de oito duelos aéreos.

Fechamos com os jogadores que lideraram o nosso “barómetro” de variáveis nesta jornada:

GoalPoint-Tops-Jornada-22-LIGA-NOS-201718-infog
Clique para ampliar

 

São estes os melhores da 22ª jornada da Liga NOS 17/18, parabéns!

Confira, jogo a jogo, os números que justificam a eleição dos melhores, na tabela de acompanhamento dos jogos GoalPoint, actualizada poucos minutos após o término de cada encontro da Liga NOS! Pode também encontrar todo o histórico da época neste “link”.

LIGA NOS | J22STATGPRMVP
0-2
3-0
3-1
1-3
2-5
0-4
2-0
1-0
1-2