A Liga NOS está de regresso, após  longa paragem, e com ela algumas exibições de relevo. Numa ronda em que os “grandes” apenas colocam três jogadores no nosso “onze” da jornada, com base nos GoalPoint Ratings, o destaque vai para um clube minhoto que vem dando cartas estas nossas selecções ao longo da época. Mas já lá vamos.

No sábado, o Benfica goleou o Feirense por 4-0, no Estádio da Luz, parecendo afastar o cenário de crise que terá colocado em causa a própria continuidade do treinador Rui Vitória. O FC Porto respondeu no domingo com três pontos conquistados no dérbi do Porto, ante o Boavista, com o golo decisivo a surgir bem no fim do período de compensação, enquanto o Sporting fechou a jornada com uma vitória por 3-1 na visita a Vila do Conde. Ainda assim, os “leões” são o único dos “três grandes que não coloca qualquer jogador nesta nossa equipa – dois do Benfica, um do Porto, mais por mérito dos eleitos pelo algoritmo do que demérito dos protagonistas leoninos na convicente vitória num terreno habitualmente difícil.

Como referimos anteriormente, o destaque vai todo para um emblema minhoto, no caso o Vitória de Guimarães. Já na 10ª jornada os vimaranenses haviam colocado quatro atletas no nosso “onze”, registo máximo para um só clube até ao momento em 2018/19, e desta feita são três os comandados de Luís Castro a ocuparem um lugar nas nossas “escolhas”, com um deles a cotar-se como o melhor jogador da semana – e com um rating verdadeiramente notável para a posição que ocupa, a de guarda-redes. Uma palavra também para o Portimonense, com dois atletas nomeados.

Nesta jornada, apenas um jogador repete presença em relação à anterior, é ele André André, também do Vitória minhoto, e há três estreias absolutas esta época. Confira.

GoalPoint-Onze-jornada-11-Liga-NOS-201819-1-infog
Clique para ampliar

 

Douglas (Vitória SC) 9.4 – A nossa lista começa logo com o melhor jogador da jornada. O Vitória de Guimarães foi ganhar 1-0 a Chaves e o guarda-redes Douglas Jesus foi o melhor em campo, com uma exibição de grande nível. O brasileiro realizou nada menos que oito defesas, cinco a remates dentro da sua grande área e quatro delas a disparos aos ângulos superiores. E ainda somou um passe para finalização.

Kalindi Souza (Nacional) 7.0 – O Nacional parece estar recuperado do mau início de época, ocupando já o 12º lugar. Nesta jornada, os madeirenses foram ganhar ao terreno do Aves, por 3-2, com o seu lateral-direito a cotar-se como o melhor em campo. Kalindi fez dois passes para finalização, sofreu uma falta para grande penalidade e somou 11 acções defensivas, entre elas três intercepções e cinco alívios.

Pedro Henrique (Vitória SC) 6.7 – A vitória vimaranense não se deveu apenas à exibição de Douglas, mas também à consistência da sua defesa. O central Pedro Henrique esteve muito bem durante todo o jogo, com um registo de 11 acções defensivas, das quais sete foram alívios.

Vincent Sasso (Belenenses) 7.1 – O Belenenses arrancou uma preciosa vitória por 3-2 na visita ao Santa Clara. Um dos golos foi apontado pelo defesa-central, que o fez de cabeça, no único remate que realizou na partida. Na retaguarda, Sasso ganhou os três duelos aéreos defensivos em que participou e ainda fez cinco intercepções.

Álex Grimaldo (Benfica) 7.4A goleada do Benfica ante o Feirense teve um protagonista do sector defensivo, muito útil a ajudar nos processos atacantes. Grimaldo fez uma assistência para golo em quatro passes para finalização, teve sucesso em dois de três cruzamentos, bem como nas duas tentativas de drible, e foi o jogador com mais acções com bola (102).

Ewerton (Portimonense) 6.8 – Em mais um jogo emocionante desta 11ª jornada, o Portimonense até começou a perder em casa com o Tondela, mas deu a volta e ganhou 3-2. Um dos responsáveis pela reviravolta foi o médio brasileiro Ewerton, autor de duas assistências em três passes para finalização. E ainda registou oito acções defensivas.

André André (Vitória SC) 7.4 – O terceiro jogador do V. Guimarães, único repetente em relação à 10ª jornada. André André vai já na terceira presença nos nossos “onzes”, mostrando estar em grande forma. Ante o Chaves, o médio esteve impecável no capítulo do passe, completando 48 de 51 entregas, duas delas para finalização. E ajudou sobremaneira no processo defensivo, com oito recuperações de posse, três desarmes e outras tantas intercepções.

Héctor Herrera (FC Porto) 7.6 – A vitória do “dragão” no dérbi portuense foi emocionante e arrancada a ferros, mas na retina ficou a exibição do mexicano. Herrera não marcou, mas o seu trabalho defensivo foi fundamental. O médio ganhou nada menos que cinco dos sete duelos aéreos defensivos em que participou e realizou três desarmes. Na frente criou uma ocasião flagrante, em quatro passes para finalização.

Rafa Silva (Benfica) 8.4 – O extremo benfiquista está a fazer uma bela época, a melhor de águia ao peito. Frente ao Feirense, Rafa marcou um golo em dois remates (ambos enquadrados), criou uma ocasião flagrante em dois passes para finalização e teve sucesso em sete de nove tentativas de drible, segundo valor mais elevado nesta Liga 2018/19.

Shoya Nakajima (Portimonense) 8.1 – Sem dúvida uma das grandes figuras deste campeonato. O japonês voltou a exibir-se em grande nível, fazendo um golo ao Tondela em cinco remates (três enquadrados). Shoya realizou ainda dois passes para finalização, completou as duas tentativas de drible e recuperou 11 vezes a posse de bola.

Frédéric Mendy (Vitória FC) 8.1 – Segunda presença do ponta-de-lança do Vitória de Setúbal nos nossos “onzes”. Mendy fez o golo sadino em casa do Marítimo já ao cair do pano, num remate de cabeça oportuno, e esteve imparável nos duelos aéreos ofensivos, ganhando 12 dos 15 em que participou.

Fechamos com os jogadores que lideraram o nosso “barómetro” de variáveis nesta jornada:

GoalPoint-Tops-Jornada-11-LIGA-NOS-201819-infog
Clique para ampliar

 

São estes os melhores da 11ª jornada da Liga NOS 18/19, parabéns!

Confira, jogo a jogo, os números que justificam a eleição dos melhores, na tabela de acompanhamento dos jogos GoalPoint, actualizada poucos minutos após o término de cada encontro da Liga NOS! Pode também encontrar todo o histórico da época neste “link”.

LIGA NOS | J11STATGPRMVP
2-3
0-1
4-0
2-0
3-2
2-3
0-1
0-1
1-3