A oitava jornada da Liga NOS ditou a primeira derrota do Benfica e a perda da liderança na prova. A formação “encarnada” visitou o Belenenses no Estádio do Jamor, no sábado, e não evitou o desaire por 2-0, perdendo assim a liderança do campeonato. Os comandados de Rui Vitória desperdiçaram muitos golos, mais do que ninguém neste Liga, como tivemos oportunidade de explicar entretanto, tento em conta os expected goals (xG).

No domingo, o FC Porto bateu o Feirense em casa, por 2-0, e assumiu o comando da tabela, a par do Sporting de Braga, enquanto logo a seguir, o Sporting também aproveitou e ficou somente a dois pontos do primeiro lugar. Os “leões” venceram por 3-0 o Boavista, com uma exibição de grande nível de Nani a marcar a partida. O internacional português foi, aliás, a grande figura do fim-de-semana, como poderá constatar no nosso “onze” da jornada, tendo por base os GoalPoint Ratings.

Aqueles que foram, talvez, os grandes vencedores da jornada, Porto, Sporting e Belenenses, são, precisamente, os emblemas que emprestam dois jogadores cada à nossa equipa. O outro “grande”, o Benfica, coloca apenas um, numa ronda sem qualquer repetente em relação à sétima jornada. Aliás, desta feita temos seis estreantes absolutos esta temporada e quatro jogadores que registaram ratings acima de 8.0.

GoalPoint-Onze-jornada-8-Liga-NOS-201819-infog
Clique para ampliar

 

Muriel (Belenenses) 7.6 – O Benfica rematou muito, criou várias oportunidades flagrantes, mas não conseguiu marcar um único golo. A culpa foi, em grande parte, de Muriel. O guardião realizou um punhado de defesas impressionantes, num total de sete, o máximo da jornada, cinco delas a remates na grande área, sendo que uma travou uma grande penalidade batida por Salvio. Não tivessem algumas das suas defesas saído associadas a lances de fora-de-jogo (logo não contabilizadas) e estaríamos provavelmente na presença de um rating histórico na posição.

Falaye Sacko (V. Guimarães) 6.7No grande dérbi do Minho, o lateral-direito teve bastante trabalho, em especial a nível defensivo, e nunca comprometeu. O malinês tentou desequilibrar no ataque, com um passe para finalização e quatro cruzamentos (ineficazes), mas foi na retaguarda que brilhou, com um registo de dois duelos aéreos ganhos em cinco e 16 acções defensivas, das quais nove foram alívios.

César Martins (Santa Clara) 8.1 – Os açorianos prosseguem a sua caminhada impressionante neste regresso à Liga. Com a vitória no terreno do D. Aves, o Santa Clara ocupa o sexto lugar, a apenas quatro pontos do topo. Um dos esteios do triunfo do fim-de-semana foi o central brasileiro César, autor de um golo, 12 alívios e vitória em quatro de cinco duelos aéreos.

Felipe (FC Porto) 7.2O triunfo dos “dragões” começou a ser fabricado pelo central brasileiro. Felipe abriu o activo na partida, com um belo golpe de cabeça, mas acabou o jogo com um registo de três remates, dois deles enquadrados, demonstrativo da sua apetência para se integrar no ataque. Aliás, foi na frente que mais se destacou, tendo ganho os três duelos aéreos que disputou.

Wilson Manafá (Portimonense) 6.5 – Excelente resultado do Portimonense na Madeira. A vitória dos algarvios teve o contributo inestimável de Wilson, visto que o lateral-esquerdo fez a assistência para o tento da sua equipa, num total de três passes para finalização, acertou quatro de oito passes longos e ainda realizou oito recuperações.

Eduardo Henrique (Belenenses) 7.7 – Uma verdadeira dor de cabeça para o Benfica. O brasileiro dos “azuis” esteve em todas no embate do Jamor. Para além de ter criado a primeira situação de perigo para a sua equipa, num remate acrobático, Eduardo acabou mesmo por abrir o activo, de penálti, realizando depois a assistência para o 2-0, apontado por Keitá.

Óliver Torres (FC Porto) 8.7 – Grande jogo de Óliver. O talentoso médio espanhol tem sentido dificuldades para se impor sob o comando de Sérgio Conceição, mas a exibição frente ao Feirense pode colocá-lo de novo na órbita da titularidade. Curiosamente nem foi nos momentos ofensivos que o número 10 mais de destacou, mas sim nos defensivos, fixando um novo registo máximo na presente Liga de 11 desarmes, para além de 12 recuperações de posse. E ainda completou as três tentativas de drible.

Bruno Fernandes (Sporting) 7.6O médio leonino regressou às boas exibições e aos golos. Num jogo totalmente dominado pela formação leonina, Bruno Fernandes fez um golo em cinco remates (um deles à trave), três passes para finalização e teve sucesso em duas de três cruzamentos que realizou. Parece ganhar confiança.

Rafa Silva (Benfica) 8.5 O extremo está em grande forma e, apesar de não ter evitado a derrota do Benfica, apresentou números de grande relevo. Para além de quatro remates, Rafa Silva criou duas ocasiões flagrantes em sete passes para finalização (máximo da jornada e um registo atípico na nossa Liga), completou cinco de oito tentativas de drible e três de cinco cruzamentos. E ainda recuperou sete vezes a posse de bola.

Nani (Sporting) 9.0O melhor jogador da jornada. Nani encheu o campo frente ao Boavista, registando o segundo rating mais elevado da Liga NOS até ao momento. Para além dos dois golos que apontou (em quatro remates), o extremo português criou uma ocasião flagrante em dois passes para finalização e completou as suas duas tentativas de drible.

Frédéric Mendy (V. Setúbal) 7.1Os sadinos já ocupam o sétimo lugar, mercê de uma vitória importante por 2-1 no terreno do aflito Tondela. O avançado francês foi a grande figura da partida, com um golo marcado, uma assistência em dois passes para finalização e incríveis 14 duelos ofensivos ganhos nos 18 em que participou. É obra.

Fechamos com os jogadores que lideraram o nosso “barómetro” de variáveis nesta jornada:

GoalPoint-Tops-Jornada-8-LIGA-NOS-201819-infog
Clique para ampliar

 

São estes os melhores da 8ª jornada da Liga NOS 18/19, parabéns!

Confira, jogo a jogo, os números que justificam a eleição dos melhores, na tabela de acompanhamento dos jogos GoalPoint, actualizada poucos minutos após o término de cada encontro da Liga NOS! Pode também encontrar todo o histórico da época neste “link”.

LIGA NOS | J8STATGPRMVP
0-1
1-1
1-2
1-0
2-0
1-0
1-2
2-0
3-0