Liga NOS | O XI GoalPoint de Janeiro 2018 ⭐

-

Nem mesmo o facto de terem perdido alguns pontos surpreendentes impede que FC Porto e Sporting sejam os grandes dominadores do “onze” ideal do mês de Janeiro. Este é ainda o mês de confirmação de quatro eleitos “crónicos” (Alex Telles, Bruno Fernandes, Brahimi e Jonas) nos nossos “onzes” mensais, e de um dos grandes “outsiders”, o Moneyball Player, Lucas Evangelista, melhor jogador do mês de Dezembro.

GoalPoint-onze-do-mes-Janeiro-Liga-NOS-201718-Infog
Clique para ampliar

 

  • Cláudio Ramos (Tondela) 6.79 – Foi o melhor jogador do mês de Janeiro fora dos “três grandes”, e com todo o mérito. Cláudio foi o melhor em campo nas visitas do Tondela a Guimarães e ao Dragão e foi o segundo guarda-redes com a mais alta média de defesas em Janeiro (quatro por jogo). Os dos remates direccionados à sua baliza, 76,9% foram parados pelo português, sendo que 60% dos mesmos foram direccionados aos ângulos da baliza
  • Ricardo Pereira (Porto) 6.27 – É o único jogador a marcar presença pelo terceiro mês consecutivo. Ricardo Pereira vai alternando de posição entre a defesa e o ataque, mas o nível mantém-se sempre elevado. Em Janeiro somou mais uma assistência e ficou no “top 5” dos laterais-direitos com mais desarmes (3,3 / 90m) e intercepções (2,2 / 90m).
  • Felipe (Porto) 6.87 – Nem o cartão vermelho contra o Feirense o impediu de ser o melhor defesa-central de Janeiro. No mesmo jogo, o brasileiro marcou mais um golo para compensar. Chegou ao final do mês com uma média de 1,8 remates enquadrados a cada 90 minutos, a melhor entre todos os jogadores do FC Porto e o quarto melhor registo da Liga NOS, só atrás de três pontas-de-lança. Para além disso, está cada vez melhor a ler o jogo, como se nota pelas 3,6 intercepções a cada 90 minutos, a melhor média entre os centrais.
  • Marcelo (Rio Ave) 6.11 – Diz-se que está a caminho do Sporting e não espanta que os “leões” tivessem interesse em antecipar a sua chegada. Nenhum outro central desarmou mais do que ele em Janeiro (2,7 / 90m), com uma eficácia de 82%, a mesma que conseguiu nos duelos aéreos defensivos. É ainda um dos grandes responsáveis pela coordenação da defesa do Rio Ave no que toca a conquistar foras-de-jogo.
  • Alex Telles (Porto) 7.05 – Mais um mês, mais uma presença para Alex Telles, que foi recentemente eleito o quinto melhor lateral-esquerdo do Mundo na nossa Pepita de Ouro 2017. O facto de ser defesa não o impede de ser constantemente o melhor no que toca a passes para finalização (foram 3,3 por jogo em Janeiro), muito por culpa da sua eficácia nos pontapés de canto (44% encontra um colega). Como se não bastasse, ainda foi o segundo lateral-esquerdo com mais intercepções (2,7 / 90m).
  • Lucas Evangelista (Estoril) 6.45 – O melhor jogador de Dezembro mantém o lugar no “onze” ideal de Janeiro. Após ter sido o melhor em campo na goleada ao Tondela, já colecciona cinco prémios MVP GoalPoint esta época, registo só superado por Jonas (oito) e Bruno Fernandes (sete). Um golo, uma assistências e dois passes para finalização de bola corrida a cada 90 minutos (terceiro melhor registo da Liga NOS) é o que tem para apresentar no último mês.
  • Bruno Fernandes (Sporting) 6.54 – É sem qualquer dúvida a força motriz do Sporting 2017/18. Em Janeiro marcou mais um golo, somou duas assistências e mostrou a grande evolução que tem tido a nível defensivo, com 2,8 desarmes a cada 90 minutos em campo.
  • Rúben Ribeiro (Rio Ave / Sporting) 6.41 – Começou o mês em Vila do Conde, a “partir tudo” contra o Paços, e acabou em Alvalade, ganhando de imediato um lugar no “onze” titular. Tal como Bruno Fernandes, anotou um golo e duas assistências, e mostrou ainda o seu habitual talento para conquistar faltas (4,4 / 90m), muitas delas em zonas perigosas (1,7 / 90m).
  • Yacine Brahimi (Porto) 7.26 – No fim da jornada 17 já o tínhamos eleito como melhor jogador da primeira volta, e foi com naturalidade que foi também considerado o melhor do mês de Janeiro. A sua ausência no jogo com o Estoril fez-se notar, e veremos se pode dar o seu contributo na segunda parte.
  • Jonas (Benfica) 6.83 – Após ter estado ausente destes “onzes” no mês de Dezembro, regressa em Janeiro para somar a quarta presença em cinco possíveis. O melhor marcador da Liga NOS acrescentou mais seis golos à conta pessoal e ainda assistiu para outro, o que significa uma acção directa para golo a cada 60 minutos. Para além disso, 5,8 remates por jogo, 3,4 deles enquadrados, é outro dos seus impressionantes registos de Janeiro.
  • Bas Dost (Sporting) 6.73 – Tal como Jonas apontou seis golos (um a cada 68 minutos), num mês em que acabaria por se lesionar. Converteu todas as ocasiões flagrantes de que dispôs e ainda venceu 64% dos 6,2 duelos aéreos defensivos que disputou a cada 90 minutos.

Menções honrosas

Entre os melhores no mês de Janeiro, mas que por uma ou outra razão não couberam neste “onze”, estão estes craques.

  • Cristiano Piccini (Sporting) 6.86 – Faltaram-lhe 30 minutos de jogo para ser o melhor lateral-direito do mês, pela primeira vez esta época – 3,3 dribles eficazes e 4 desarmes por jogo foram alguns dos números interessantes que registou em Janeiro.
  • Marcos Acuña (Sporting) 6.83 – Não é fácil jogar na mesma posição de Brahimi quando se quer aparecer entre os nomeados. Acuña foi o quarto melhor jogador do mês de Janeiro, mas isso não chegou para entrar no “onze ideal”.
  • Nuno Pinto (Vitória Setúbal) 6.45 – É consistentemente um dos melhores laterais-esquerdos da Liga NOS. Nuno Pinto somou duas assistências em Janeiro e foi driblado apenas duas vezes em 450 minutos.
  • David Simão (Boavista) 6.22 – Está a transformar-se num centro-campista cada vez mais completo e só uma grande penalidade falhada o impediu de entrar no “onze ideal”.

GoalPoint-T-shirts-2017-bannerParabéns aos eleitos!

Nota metodológica: “Onze” elaborado tendo em conta o GoalPoint Rating médio de todos os jogadores que cumpriram um mínimo de 300 minutos na Liga NOS em Janeiro.

GoalPoint
GoalPoint
O GoalPoint.pt é um site produzido pela GoalPoint Partners, uma start-up especializada em análise estatística de futebol, que oferece serviços dirigidos a profissionais, media, patrocinadores/anunciantes e adeptos.
GoalPoint

GRÁTIS
BAIXAR