Man United 🆚 Man City | Cancelo e Bernardo afundam “red devils”

-

Fácil e natural. Os dérbis ou “clássicos” costumam ser imprevisíveis, mas não quando se trata desde Manchester United. Com Cristiano Ronaldo e Bruno Fernandes de início, os “red devils” receberam o Manchester City de Bernardo Silva, João Cancelo e Rúben dias, e… perderam. A derrota pode sempre acontecer, mas a naturalidade com que sucedeu, quase como na recepção ao Liverpool, embora por números diferentes, é que deve preocupar os responsáveis de Old Trafford. Eric Bailly, na própria baliza, e Bernardo Silva, a passe de Cancelo, fizeram os golos, ainda na primeira parte.

GoalPoint-Man-Utd-Man-City-English-Premier-League-202122-Ratings
Clique para ampliar

Primeira metade que começou praticamente com o 1-0. Cruzamento tenso de Cancelo na esquerda, Bailly, na tentativa de afastar, colocou a bola na própria baliza, logo aos sete minutos. A superioridade era total, na posse (67%), nos remates (dez contra três), nas ocasiões de golo – Expected Goals (xG) de 1,5 para 0,7 do United. E em cima do intervalo, Cancelo cruzou da esquerda e, ao segundo poste, Bernardo aproveitou a apatia de Luke Shaw para ampliar para 2-0.

No segundo tempo, mais do mesmo, com a diferen̤a que, desta feita, foram ambas as forma̵̤es a mostrarem pouca pontaria. O City fez seis remates, o United dois, nenhuma das equipas enquadrou disparos, sendo que Phil Foden foi o que esteve mais perto de marcar, perto do fim, com um remate cruzado que embateu no poste esquerdo da baliza de David De Gea. Terceira derrota em cinco jogos para os da casa Рque viram Bruno Fernandes 5.3 e Cristiano Ronaldo 4.8 passarem ao lado do jogo -, que esta jornada podem cair para d̩cimo.

[ Os posicionamentos médios dizem quase tudo sobre o jogo ]

GoalPoint-Man-Utd-Man-City-English-Premier-League-202122-pass-network
Clique para ampliar

João Cancelo 7.6 – Mais um recital de Cancelo. Após o brilharete ante o Club Brugge na Champions, o lateral português voltou a fazer assistência e meia. Primeiro fez o centro que Bailly colocou na própria baliza, e depois realizou o passe para o tento de Bernardo. O português foi mesmo o mais rematador (4), a par de Kevin De Bruyne, foi o único a enquadrar mais de um disparo (2), fez sete passes ofensivos valiosos, completou 93 de 104 entregas (89%), realizou dez passes aproximativos e três super aproximativos, somou quatro desarmes e o máximo de acções com bola (125).

Bernardo Silva 6.6 – O terceiro melhor rating da tarde. Bernardo fez um golo, nove passes ofensivos valiosos, errou somente quatro de 65 entregas e completou quatro de seis dribles (máximo).

GoalPoint-Man-Utd-Man-City-English-Premier-League-202122-MVP
Clique para ampliar

Rúben Dias 6.3 – Exibição sólida do central, que errou apenas um de 83 passes (99% de eficácia) e fez quatro recuperações de posse.

GoalPoint
GoalPoint
O GoalPoint.pt é um site produzido pela GoalPoint Partners, uma start-up especializada em análise estatística de futebol, que oferece serviços dirigidos a profissionais, media, patrocinadores/anunciantes e adeptos.