[vc_tta_tabs][vc_tta_section i_icon_fontawesome=”fa fa-line-chart” add_icon=”true” title=”Ratings” tab_id=”1465571624475-01e55dfc-58e2″]
GoalPoint-Man-City-Man-Utd-English-Premier-League-201819-Ratings
Clique para ampliar
[/vc_tta_section][vc_tta_section i_position=”right” i_icon_fontawesome=”fa fa-trophy” add_icon=”true” title=”MVP” tab_id=”1465571693503-4a0f9bf6-e654″]
GoalPoint-Man-City-Man-Utd-English-Premier-League-201819-MVP
Clique para ampliar
[/vc_tta_section][vc_tta_section i_icon_fontawesome=”fa fa-futbol-o” add_icon=”true” title=”Stats” tab_id=”1465571672809-6f7d6717-7b04″]
GoalPoint-Man-City-Man-Utd-English-Premier-League-201819-90m
Clique para ampliar
[/vc_tta_section][/vc_tta_tabs]

O Manchester City venceu o dérbi da cidade ante o United de José Mourinho, por 3-1. Num jogo praticamente de sentido único na primeira parte, e com uma etapa complementar em que os comandados de Guardiola aproveitaram a subida dos visitantes no terreno, Bernardo Silva foi a grande figura. Com este desfecho, os actuais campeões têm já mais 12 pontos que os vizinhos de Manchester.

A primeira parte quase só deu City, com muito mais bola, remates, eficácia de passe e o único golo da partida. Por volta dos 12 minutos, quando David Silva fez o 1-0, a passe de Bernardo Silva, os comandados de Pep Guardiola registavam 89% de posse de bola, chegando ao intervalo com 69%. Os números a meio da partida eram claros quanto à superioridade total dos homens da casa.

GoalPoint-Man-City-Man-Utd-English-Premier-League-201819-45m
Clique para ampliar

O segundo tempo trouxe o 2-0, por Agüero, logo aos 48 minutos, obrigando a formação de José Mourinho a uma reacção – que, de facto, aconteceu. Anthony Martial reduziu aos 58, de penálti, e os “red devils ” até dispunham de mais bola do que no primeiro tempo, mas o controlo do desafio pertencia aos “citiziens, que acabaram por ampliar aos 86 minutos, por Gündogan, novamente a passe de Bernardo Silva, o melhor em campo neste dérbi.

O médio português terminou com um GoalPoint Rating de 7.9, mercê de uma excelente exibição coroada com duas assistências. Mas o português fez mais, nomeadamente seis passes para finalização, três desarmes, sete recuperações de posse e dois dribles completos nas duas únicas tentativas.