Dois jogos depois, a Rússia não só vai vulgarizando as previsões que a davam como rápida eliminada do “seu” Mundial, como vai, inclusive, ameaçando recordes. Os “czares” somaram mais três golos aos cinco com que brindaram a Arábia Saudita, atingindo um número que não se via desde o longínquo segundo Mundial da História.

GoalPoint-Facto-Dia-19-Jun-Russia-Mundial-2018-infog
Clique para ampliar

Mas as curiosidades do dia não se ficam por aqui e até incluem mais russos. Eis uma selecção das melhores:

  • Os oito golos russos em dois jogos igualam também a “conta” de tentos obtida pela Espanha em 2010, quando levantou o “caneco”. Mas com uma pequena diferença: os espanhóis precisaram de sete jogos para lá chegar.
  • O súbito goleador russo Cheryshev já leva três golos. Até aqui nada de especial, certo? Afinal Cristiano conseguiu o mesmo em apenas um jogo. Sucede que o trio de tentos do avançado já ultrapassa o total de golos que conseguiu obter nas últimas duas épocas que disputou na Liga espanhola.
  • A brincar a brincar, o Mundial 2018 já leva dez grandes penalidades assinaladas em apenas 17 jogos.
  • Também a brincar, mas com as emoções dos adeptos, já contabilizámos também cinco autogolos “oferecidos” em solo russo, três deles protagonizados por selecções africanas. Esta terça-feira foi a vez do Egipto e da Polónia oferecerem uma prenda.
  • Por falar em autogolos, um dos desafortunados do dia foi o polaco Cionek, que abriu o activo a favor do Senegal. Mas o que poucos sabem é que o jogador teve uma passagem por Portugal, mais propriamente pelo Desportivo de Bragança, em 2007.

Confira todos os ratings e análises do Mundial neste link, obrigado!