“Não têm mais nada que fazer?!” pergunta Ronaldo

É por estas e por outras que os jogadores passavam a vida a proteger a boca com as mãos enquanto falam. As câmaras não dão descanso, nem mesmo no período prévio à partida, emquanto se relaxa um pouco, em conversa, com os colegas no banco. Teve de ser a pedido mas os repórteres lá acederam a dar alguma privacidade a “CR7”, antes do Atlético Madrid – Real Madrid de ontem.