O amor valeu cartao amarelo

Não havia necessidade de amarelar Miguel Perez, jogador do Marchamalo, da quarta divisão espanhola, quando após marcar o golo da vitória da sua equipa decidiu subir à bancada e beijar a sua mais que tudo. É caso para dizer que Florenzi começa a fazer escola.