O “onze” da 6ª jornada da Liga 20/21 ⭐

-

Sem grandes surpresas… iniciámos nós o texto do último “onze” da jornada. Desta feita, o oposto. Duas grande surpresas marcaram esta sexta ronda da Liga NOS, com reflexos claros na equipa semana GoalPoint Ratings. Primeiro foi o FC Porto a cair por 3-2 na visita ao Paços de Ferreira, num jogo em que mostraram problemas defensivos que analisámos posteriormente. No fecho da ronda foi a vez de o Benfica mostrar também a sua face negativa e sair vergado por três golos sem resposta na deslocação ao Bessa, casa do Boavista.

Assim, não espanta que “dragões” e “águias” estejam ausentes dos eleitos da jornada. O único dos “três grandes” presente é o Sporting. E com estrondo. Os “leões” golearam o Tondela por 4-0, numa demonstração de qualidade e futebol ofensivo, que contribuiu para a queda de diversos recordes da Liga NOS, e colocam nada menos que seis jogadores – leu bem – no “onze”, algo nunca dantes visto desde que lhe apresentamos esta rubrica.

Esta ronda também premeia a regularidade, pois, ao contrário do que tem acontecido nas últimas jornadas, temos logos três repetentes em relação à anterior. Vamos aos números.

GoalPoint-Onze-jornada-6-Liga-NOS-202021-infog
Clique para ampliar

Vaná (Famalicão) 7.4 – O brasileiro que chegou do FC Porto parece ter tirado o lugar ao russo (Zlobin) que chegou do Benfica. Em Braga, o Famalicão saiu derrotado, mas não por culpa de Vaná, que foi o melhor em campo e evitou males maiores para a sua equipa. Oito defesas, quatro a remates na sua grande área, duas a disparos a menos de oito metros e uma segurança que João Pedro Sousa agradece.

Pedro Porro (Sporting) 7.5 – A melhor exibição do espanhol desde que chegou a Alvalade. A defender e a atacar. Excelente o golo que marcou, num encontro em que somou, igualmente, uma assistência, nove passes longos certos em 11, mas também 11 recuperações de posse e o máximo de intercepções, nada menos que cinco.

Bruno Viana (Braga) 7.0Excelente a exibição do central bracarense, em especial a construir e a atacar, consequência natural do amplo domínio dos comandados de Carlos Carvalhal. Viana fez um dos golos, completou 97% dos passes que realizou na partida (83 certos, máximo da ronda), teve sucesso em 12 dos 14 passes longos que fez, somou 17 entregas progressivas eficazes, ofereceu sete variações de flanco e foi o segundo jogador com mais acções com bola no encontro (97). 

Feddal (Sporting) 7.5 – O central marroquino do Sporting vai, aos poucos, cimentando a sua importância na equipa, demonstrando uma solidez ante o Tondela que lhe vale a primeira presença nos “onzes”. Muito interventivo (94 acções com bola, máximo do jogo), esteve sólido a defender, com dez recuperações de posse, dois bloqueios de remate, três bloqueios de passe/cruzamento e três acções defensivas no meio-campo contrário. Mas teve também liberdade para atacar, terminando com 90% de eficácia nas entregas, 12 passes progressivos eficazes e quatro passes para finalização, mais do que qualquer outro jogador nesta jornada.

Yanis Hamache (Boavista) 7.2 – O primeiro repetente em relação à jornada anterior. O Boavista conseguiu a primeira vitória na Liga e logo frente ao Benfica… e logo por 3-0. O ala esquerdo não foi de “modas” e apontou um dos golos, o terceiro, no único remate que realizou, somou um passe para finalização e esteve muito bem no posicionamento defensivo, o que lhe permitiu fazer três intercepções.

Stephen Eustáquio (Paços de Ferreira) 7.6 – Está a tornar-se numa das grande figuras deste arranque de campeonato. O luso-canadiano repete a presença da quinta jornada, graças a uma exibição de grande nível frente ao FC Porto. Um golo, um remate à barra, um passe para finalização e uma entrega defensiva extraordinária: quatro desarmes, quatro intercepções, outros tantos alívios e sete recuperações de posse. 

João Mário (Sporting) 7.6 – A qualidade estava lá toda e bastou alguns minutos para João Mário ganhar ritmo e mostrar a classe que lhe é reconhecida. O médio leonino foi titular pela primeira vez esta temporada e foi um dos melhores elementos em campo com o Tondela. Cinco remates, quatro deles de fora da área, duas ocasiões flagrantes criadas em três passes para finalização, 93 acções com bola e 11 recuperações de posse foram os principais números de um jogador que pode ter um impacto enorme no futebol do “leão” ao longo da época.

Lucas Piazón (Rio Ave) 7.6 – Um valor seguro do Rio Ave, que continua a mostrar excelente futebol e agora também resultados na Liga. No triunfo sobre o Moreirense por 2-0, o brasileiro ex-Chelsea bisou, enquadrou três dos quatro remates que realizou, fez seis passes ofensivos valiosos e ainda ajudou defensivamente com três intercepções.

Pedro Gonçalves (Sporting) 8.2 A grande figura da jornada, aliás como foi na ronda anterior. Pedro Gonçalves está a tornar-se num caso sério no futebol luso, não apenas no leonino, com qualidade acima da média quer em zonas mais adiantadas, quer no meio-campo. Nesta altura soma já cinco golos no campeonato, em cinco jogos, e ante o Tondela voltou a bisar, enquadrando quatro (máximo na Liga) dos cinco remates que fez. Criou ainda uma ocasião flagrante, somou nove acções com bola na área contrária e completou quatro de sete tentativas de drible.

Tiago Tomás (Sporting) 7.5 – O jovem “leão” esteve imparável ante o Tondela. Titular, formando um tridente com Šporar e Pedro Gonçalves, Tiago não marcou nenhum golo, mas enquadrou os três remates que realizou, criou uma ocasião flagrante em três passes para finalização e somou quatro acções com bola na área contrária.

Andraž Šporar (Sporting) 8.1 – Grande exibição do atacante leonino que, não tivesse desperdiçado três ocasiões flagrantes (máximo de um jogador nesta Liga), teria rebentado a escala do nosso rating. Tal como Pedro Gonçalves, estabeleceu um novo recorde de remates enquadrados nesta Liga (4), bem como de disparos na grande área (6), terminando com um golo marcado, uma assistência e impressionantes dez acções com bola na área contrária.

Fechamos com os jogadores que lideraram o nosso “barómetro” de variáveis nesta jornada:

GoalPoint-Tops-Jornada-6-Liga-NOS-202021-infog
Clique para ampliar

São estes os melhores da 6ª jornada da Liga NOS 20/21, parabéns!

Confira, jogo a jogo, os números que justificam a eleição dos melhores, na tabela de acompanhamento dos jogos GoalPoint, actualizada poucos minutos após o término de cada encontro da Liga NOS! Pode também encontrar todo o histórico da época neste “link”.

LIGA | J6SUMGPRMVPPASxG
3-2
1-1
2-0
0-0
1-2
1-2
4-0
1-0
3-0

TotoRating Banner

GoalPoint
GoalPoint
O GoalPoint.pt é um site produzido pela GoalPoint Partners, uma start-up especializada em análise estatística de futebol, que oferece serviços dirigidos a profissionais, media, patrocinadores/anunciantes e adeptos.
GoalPoint

GRÁTIS
BAIXAR