Os nossos entre os melhores

-

Os “durões”

Reuben-Gabriel
Reuben Gabriel, Boavista (foto: RR)

Já se sabe que em Portugal os árbitros têm o apito “afiado”, por isso as lideranças nestes rankings são talvez as menos surpreendentes. No entanto não deixa de ser curioso constatar os protagonistas.

JOGADOR (Clube) | FALTAS COMETIDAS P/ 90m
Reuben Gabriel (Boavista) | 4.0
Pavoletti (Genoa) | 3.7
Henrique Dourado (Vit. Guimarães) | 3.6
Xhaka (B. M’gladbach) | 3.3
Amrabat (Málaga) | 3.3

Nas faltas cometidas é o centrocampista do Boavista, Reuben Gabriel, que se destaca a grande nível. O internacional nigeriano faz quatro faltas a cada jogo, mas tem a curiosidade de ainda só ter visto cinco cartões em todo o campeonato. Já o ponta-de-lança do Vitória de Guimarães, Henrique Dourado, apesar de jogar bem mais à frente, regista um número parecido, tendo já visto oito cartões.

Os “alvos” preferidos

Ivanildo
Ivanildo, Académica

A grande surpresa aparece nas faltas sofridas, não só pela liderança como pelo avanço.

JOGADOR (Clube) | FALTAS SOFRIDAS P/ 90m
Ivanildo (Académica) | 5.6
Cuadrado (Juventus) | 5.2
Vázquez (Palermo) | 5.1
Hatemaj (Chievo) | 4.4
Neymar (Barcelona) | 4.1

Mais uma vez a companhia é de luxo, mas na altura de “arrancar” apitos é Ivanildo o “rei” entre os principais campeonatos europeus. É caso para dizer que a Académica tinha muito a beneficiar de um exímio marcador de livres directos, porque com o guineense a ganhar faltas a este ritmo, provavelmente estaria muito mais acima na classificação.

Surpreendido? Se estiver atento aos jogos provavelmente não, mas é sempre bom ter a prova à mão de semear na próxima vez que se virar para o vizinho de bancada e disser: “nisto este tipo é dos melhores da Europa.” Por muito exagerado que soe, se calhar é mesmo.

Hernâni Ribeiro
Hernâni Ribeiro
Formado em estatística e gestão de informação, e Data Scientist profissional. É Head of Analytics na GoalPoint e responsável pela GoalPointPro