Mbappé: isso é coisa que se faça no Camp Nou? 👑

-

A Liga dos Campeões regressou em grande estilo, em especial graças à partida em Camp Nou. Barcelona e Paris Saint-Germain encontraram-se e, apesar dos os gauleses terem-se apresentado com ausências de peso – nomeadamente os lesionados Neymar e Ángel Di María -, conseguiram uma retumbante vitória que os coloca praticamente nos quartos-de-final. O 4-1 teve um herói incontestável, o francês Kylian Mbappé, que “atropelou” da formação catalã com uma exibição de grande nível, fez um “hat-trick” e mereceu um 10.0 nos GoalPoint Ratings. Pelo caminho fixou registos estatísticos de grande relevo.

[ O MVP Card e o mapa de acções com bola na área de Mbappé em Camp Nou ]

O jovem atacante francês tornou-se apenas no terceiro jogador a marcar um “hat-trick” ao Barcelona na Champions LeagueFaustino Asprillia e Andriy Shevchenko foram os anteriores, ambos em 1997 – e foi o primeiro a fazê-lo em eliminatórias da Taça dos Campeões/Liga dos Campeões enquanto visitado. Três tentos que surgiram de seis remates, quatro enquadrados, sendo que cinco dos disparos de Mbappé foram realizados na grande área catalã. Só Karim Benzema, contra o Borussia M’Gladbach (7), e João Félix, ante o Salzburg (6) conseguiram mais esta época na prova. Estes remates fizeram parte das dez acções com bola na área adversária, as quais estão patentes no mapa acima.

[ Os mapas de remates (golos a amarelo) e de dribles tentados e completos (a azul) de Mbappé ]

Além dos disparos – cujos detalhes pode conferir no mapa em cima, à esquerda -, Mbappé esteve também imparável no drible. Foram 13 tentados, nove completos (a azul no mapa da direita), todos a anunciar a clara tendência do craque em jogar mais colado ao lado esquerdo. Dois desses gestos com êxito aconteceram mesmo na área do Barça. Esta temporada, só Alphonso Davies, do Bayern, contra o Lokomotiv de Moscovo, completou mais dribles (11). Uma nota: se reparar, estão 12 pontos de drible no mapa da direita, oito deles completos. Isto porque dois aconteceram precisamente na mesma coordenada e estão sobrepostos, separados por somente dois segundos de jogo efectivo.

Estes são alguns dos principais momentos que abrilhantaram a exibição de Mbappé, que contou ainda com quatro passes para finalização e sete passes ofensivos valiosos (feitos para zonas a menos de 25 metros da baliza contrária). Não admira que o gaulês seja, entre jogadores com mais de 20 golos na prova, aquele que registe a percentagem maior desses tentos fora de casa. São 68%, ou seja, 15 dos 22 que já fez na Liga dos Campeões.

Outros dados curiosos

  • Este foi o jogo com mais dribles completos (35) esta temporada na Champions, mais um que no Juventus-Barcelona. Só o PSG concluiu 26 deles;
  • A partida em Camp Nou registou o terceiro valor mais alto de ocasiões flagrantes (8), seis delas para o PSG, que conseguiu o segundo número mais alto em termos de equipas. Várias outras partidas tiveram oito, mas só duas somaram mais: o Barcelona-Dynamo Kyiv (10) e o Ferencváros-Juventus (9);
  • Os seis dribles consentidos por Dembelé são o terceiro pior registo na Champions 2020/21;

  • O Barcelona fixou o mínimo de passes falhados (50) enquanto o Paris anotou o segundo mínimo (51).
  • O PSG marcou fora de casa na Liga dos Campeões pela 20ª vez consecutiva. Apenas o Real Madrid, com 22 partidas sempre a marcar, entre 2010 e 2014, tem uma sequência como visitante mais longa.

GoalPoint
GoalPoint
O GoalPoint.pt é um site produzido pela GoalPoint Partners, uma start-up especializada em análise estatística de futebol, que oferece serviços dirigidos a profissionais, media, patrocinadores/anunciantes e adeptos.