GoalPoint-Panama-Tunisia-WC2018-Ratings
Clique para ampliar
GoalPoint-Panama-Tunisia-WC2018-MVP
Clique para ampliar
GoalPoint-Panama-Tunisia-WC2018-90m
Clique para ampliar

Tunísia e Panamá disseram adeus ao Mundial com um jogo muito competitivo, com golos e uma reacção na segunda parte que garantiu uma reviravolta no marcador. A equipa centro-americana marcou primeiro, contra a corrente de jogo, mas os tunisinos reagiram no segundo tempo e somaram a única vitória no Grupo G.

Um autogolo, de Yassine Meriah, aos 33 minutos, após remate de José Luis Rodríguez, ia dando vantagem ao Panamá ao intervalo, num jogo em que a Tunísia teve muito mais bola (73%) e mais remates. O melhor futebol da equipa africana não tinha, no entanto, correspondência em golos. O melhor em campo no primeiro tempo foi Oussama Haddadi, tunisino que registava um rating de 6.0.

Na segunda parte, a Tunísia corrigiu os processos ofensivos e deu a volta ao texto, com uma exibição novamente dominadora que registou uma posse de bola total de 69%, mais remates, mais enquadrados e com uma qualidade de passe bem superior. Fakhreddine Ben Youssef, aos 51 minutos, e Wahbi Khazri, aos 66 deram a volta ao resultado e colocaram justiça no marcador. No entanto, o destino de ambas as formações foi o mesmo, o regresso a casa.

O melhor em campo foi mesmo Khazri, o ponta-de-lança tunisino, que terminou com um GoalPoint Rating de 7.4. O avançado marcou um golo em cinco remates (três enquadrados), fez uma assistência em quatro passes para finalização, fez dois cruzamentos, ambos eficazes, e terminou com uma eficácia de passe de 90%.

GPR-contest-World-Cup-2018-leaderboard-1