Patrocinador pornográfico? Original mas… vetado

Ainda dizem que o empreendedorismo é o caminho. Que o digam os estudantes universitários da Universidade de Kent, no Reino Unido, que por brincadeira ensaiaram nas redes sociais um patrocínio fictício de um site de pornografia nas camisolas da equipa. Aquilo que começou como uma partida viral transformou-se numa proposta de patrocínio real, com o site a demonstrar interesse em patrocinar a época dos estudantes. Os responsáveis universitários já informaram os Raiders que não vão permitir a participação da equipa caso contenha um patrocínio que, como é o caso, a instituição considera inaceitável.

(foto: Twitter)
(foto: Twitter)