Natural de Braga, João Teixeira desde cedo rumou a Alcochete para continuar o seu processo de desenvolvimento. E nos juniores despertou a atenção dos grandes clubes europeus. Na NextGen Series, o internacional português de vários escalões jovens afirmou-se como um dos melhores jogadores da formação leonina.

Em Agosto de 2011, o Sporting deslocou-se até Liverpool para bater a formação inglesa por 3-0, com o médio luso a inaugurar o marcador. O director da academia do Liverpool, Frank McParland, ficou impressionado com a qualidade de João Carlos e não hesitou em recomendar a contratação do jovem, chegando a Inglaterra em Janeiro de 2012, actuando depois nos Sub-21, seguido de um empréstimo ao Brentford na época passada e ao Brighton & Hove Albion na actual.

“WONDERKID”

Médio-centro de raiz mas que também pode actuar sobre a faixa esquerda, sente-se confortável a actuar como “8” ou “10” e tem como uma das suas principais referências o brasileiro Kaká.

Teixeira já foi utilizado na equipa principal do Liverpool, na Premier League da época passada, ao entrar a oito minutos do fim frente ao Fulham.

https://youtu.be/jAXoVzlHtiQ

Virtuoso, incisivo, rápido a decidir, protege bem a posse de bola e é tacticamente muito inteligente, pois percebe o momento certo para assistir os seus companheiros. É dotado de uma excelente visão de jogo e capacidade de progressão. Defensivamente também é dos primeiros jogadores a pressionar e a tentar recuperar a bola no meio-campo adversário para iniciar a manobra ofensiva, mas precisa de melhorar o seu posicionamento no meio-campo defensivo e o poder físico. Actualmente procura o seu espaço no segundo escalão inglês para se afirmar em definitivo no Liverpool. Qualidade não lhe falta.

> CONFIRA A ENTREVISTA QUE JOÃO TEIXEIRA CONCEDEU AO GOALPOINT RECENTEMENTE AQUI

Clube: Brighton & Hove Albion, emprestado pelo Liverpool (Inglaterra)
Nacionalidade: Portuguesa
Nascimento: 1993-01-18 (22 anos)
Posição: Médio-Centro
Pé preferencial: Direito
Altura: 1,77m
Peso: 70 kg
Valor de mercado: 0,5 a 1M euros
Contrato até: 31/05/2015

Recomendação GoalPoint*: clube do segmento alto, que aposte em jovens.

 

* Recomendação GoalPoint
a recomendação GoalPoint consiste no perfil de clube destino que a GoalPoint Partners considera mais adequado ao desenvolvimento e confirmação do potencial do jogador no momento de carreira em que é por nós analisado. Eis a definição dos segmentos abordados.

Segmento alto – equipas que lutam pelo título nas cinco principais Ligas europeias (Inglaterra, Espanha, Itália, França e Alemanha)
Segmento médio/alto – equipas que disputam as cinco principais Ligas europeias e/ou disputam o título nas Ligas de projecção europeia (Holanda, Portugal, Bélgica, Grécia, Turquia, Rússia, Suíça)
Segmento médio – equipas que disputam Ligas de projecção europeia
Segmento médio/baixo – equipas que disputam a permanência nas Ligas de projecção europeia ou a segunda Liga dos principais campeonatos europeus
Segmento baixo – equipas que disputam a segunda Liga nas Ligas de projecção ou quaisquer outras Ligas europeias (que não as principais ou de projecção)