A Colômbia de Carlos Queiroz entrou com o pé direito na Copa América 2019, ao bater a Argentina por 2-0 matando também um “borrego”: os “cafeteros” não venciam a “albiceleste” há oito encontros.

Após uma primeira parte “táctica”, com as defesas a superiorizarem-se aos ataques (apenas seis remates, zero enquadrados), a segunda metade trouxe mais animação, disparos e os golos, com a Colômbia a mostrar maior objectividade, apesar do balanceamento ofensivo argentino (12 disparos na 2ª parte, contra apenas um na primeira).

E os (belos) golos chegaram por intermédio de dois homens lançados por Queiroz com o jogo em andamento – primeiro Roger Martínez (que substituiu o lesionado Muriel) aos 71′ e depois Dúvan Zapata, aos 86′ –  selaram a vitória colombiana, num jogo com muito pouco Messi 4.5 e com ainda menos Saravia: o mais recente reforço “azul-e-branco” terminou com um rating de 3.9, o mais baixo do encontro. O melhor em campo GoalPoint Ratings esse foi mesmo Martínez, o homem que abriu caminho à vitória.

GoalPoint-Argentina-Colombia-Copa-America-2019-Ratings
Clique para ampliar
GoalPoint-Argentina-Colombia-Copa-America-2019-MVP
Clique para ampliar