[vc_tta_tabs][vc_tta_section i_icon_fontawesome=”fa fa-line-chart” add_icon=”true” title=”Ratings” tab_id=”1465571624475-01e55dfc-58e2″]

GoalPoint-Real Madrid-Barcelona-Spanish-La-Liga-201718-Ratings

[/vc_tta_section][vc_tta_section i_position=”right” i_icon_fontawesome=”fa fa-trophy” add_icon=”true” title=”MVP” tab_id=”1465571693503-4a0f9bf6-e654″]

GoalPoint-Real Madrid-Barcelona-Spanish-La-Liga-201718-1-MVP

[/vc_tta_section][vc_tta_section i_icon_fontawesome=”fa fa-futbol-o” add_icon=”true” title=”Stats” tab_id=”1465571672809-6f7d6717-7b04″]

GoalPoint-Real Madrid-Barcelona-Spanish-La-Liga-201718-90m

[/vc_tta_section][/vc_tta_tabs]

O Barcelona fez uma visita de Natal ao Santiago Bernabéu que terminou com uma vitória com três golos sem resposta e que deixou o Real Madrid a 14 pontos de distância (um jogo a menos), fortalecendo, e de que maneira, a sua candidatura ao título espanhol. Pelo caminho os visitantes atingiram a marca histórica de três vitórias consecutivas no “castelo” de Madrid, um feito que até agora pertencia apenas ao vizinho Atlético.

Após uma primeira parte equilibrada e na qual o Real Madrid iniciou com algumas ocasiões de perigo, a segunda deu lugar a um Barcelona dominador, sob a batuta de um Messi endiabrado que atingiu números raramente vistos: para lá do golo e assistência somou nove passes para finalização, cinco dos quais para ocasiões flagrantes de golo (1×1 ou 1×0). O Madrid, entretanto reduzido a dez elementos por expulsão de Carvajal, pouco pôde fazer perante o acerto de Leo e companhia. O argentino terminou como Melhor em Campo, com um rating 10.0 que quantifica a (mais uma) exibição de gala que ofereceu.

GoalPoint-T-shirts-2017-banner