GoalPoint-River-Plate-Boca-Juniors-Copa-Libertadores-2019-Ratings
Clique para ampliar

As meias-finais da Taça Libertadores arrancaram na madrugada desta terça para quarta-feira com o “Superclásico” entre River Plate e Boca Juniors. Na reedição da final da época passada, os “millionarios” voltaram a sair por cima, graças a uma vitória caseira por 2-0 que lhes abre boas perspectivas para a partida da segunda mão, uma vez que não sofreram golos em casa. Grémio e Flamengo entram em campo às 01h30 de quarta-para quinta-feira.

O River foi quase sempre superior, terminando como equipa dominadora (62% de posse de bola) e mais perigosa no momento do remate, enquadrando o dobro dos disparos do seu grande rival. E marcou por Rafael Borré, de penálti, logo aos sete minutos, e por Ignacio Fernández, aos 70. O Boca terminaria a partida com dez elementos, por vermelho directo a Nicolás Capaldo já bem dentro do período de descontos. O River vai em 14 jogos consecutivos sem perder na prova.

O melhor em campo foi Milton Casco, lateral-esquerdo que registou um GoalPoint Rating de 8.0. O defesa criou uma ocasião flagrante e, na retaguarda, esteve muito activo, com destaque para cinco desarmes e nada menos que 20 recuperações de posse. O ex-benfiquista Lisandro López foi titular no Boca e não foi além de um 4.8, enquanto Eduardo Salvio entrou na segunda parte e em 22 minutos tentou seis vezes o drible, com sucesso em dois – rating de 5.1.