Não há dúvidas sobre qual é a equipa-sensação do momento em Portugal, e quem sabe até na Europa. O recém-promovido Famalicão lidera a Liga NOS à sétima jornada, sem uma única derrota, e isso vai-se notando também no RTG. João Pedro Sousa volta a conquistar o prémio de treinador do mês, tal como já tinha feito em Agosto, enquanto na Segunda Liga o galardão foi repartido.

Liga NOS: Um ponto de avanço que são quase mil

Após um mês de Agosto brilhante, o Famalicão repetiu a dose em Setembro, vencendo os três jogos que disputou. João Pedro Sousa continua a guiar os minhotos ao sonho, e a liderança da Liga NOS é acompanhada por uma liderança no Ranking de Treinadores GoalPoint. A campanha é tão surpreendente que o técnico nascido em Luanda, que faz a sua estreia nos bancos como treinador principal, já acumulou um total de 1618 pontos, quase mais mil do que o segundo classificado, Lito Vidigal. Em Setembro, uma das vitórias foi em Alvalade, mas o próximo jogo (daqui a um mês) será uma ainda mais complicada deslocação ao Dragão.

Em segundo lugar no mês de Setembro ficou Ivo Vieira. Para o Vitória de Guimarães o mês foi bem preenchido, com um total de seis jogos disputados, e o único resultado negativo foi a injusta derrota na Bélgica com o Standard para a Liga Europa, mesmo tendo visitado o Estádio da Luz na Taça da Liga. Sem dúvida, um dos projectos mais entusiasmantes em Portugal na presente temporada.

O FC Porto parece ter entrado nos carris habituais, e Setembro trouxe cinco vitórias em cinco jogos para Sérgio Conceição. É certo que nenhuma das partidas apresentava grau de dificuldade muito elevado, mas a consistência valeu-lhe o terceiro lugar do mês, e a subida ao quarto da geral.

Clique para ampliar

Leonel Pontes foi o (primeiro) escolhido para substituir Marcel Keizer e quatro jogos sem qualquer vitória valeram-lhe a pior pontuação do mês e o regresso aos Sub-23.

Na próxima página: o melhor da LigaPro e o “quadro de honra”