RTG™: Quem foi o melhor treinador em 2014/15?

-

12º ao 6º: UM MADEIRENSE PERTO DO TOP-5

Sérgio Conceição (foto: J. Trindade)
Sérgio Conceição (foto: J. Trindade)

 

Chegados aqui identificamos os treinadores que, não cabendo no “top 5” do ranking, devem sentir orgulho da época que fizeram. Curiosamente quatro dos sete entraram a meio da época, e só Jorge Simão não fez melhor que o antecessor, conseguindo ainda assim resultados positivos em mais de metade dos seus jogos. Ivo Vieira tem uma pontuação de grande realce para quem só fez 13 jogos, perdendo apenas com Sporting e Benfica, e tornou-se em três meses num dos treinadores mais empolgantes para acompanhar na próxima época. Já Fabiano Soares e José Viterbo fizeram com sucesso o que se lhes pedia, estabilizar a equipa, e a maior percentagem dos seus resultados foram normais, sem grandes desastres.

RTG-21415---12ao6

Entre os três que fizeram a época completa destaque para Miguel Leal. Um 11º lugar a cinco pontos da Europa com o recém-promovido Moreirense só pode ser olhado com admiração, e se calhar é altura de o seu nome ser tido em conta para outros voos. Já Paulo Fonseca, de volta a uma casa onde foi feliz, assumiu riscos até na abordagem táctica e voltou a dar nas vistas subindo de novo a sua cotação. O fraco desempenho nas taças, onde caiu aos pés de Famalicão e União da Madeira, separam-no de um lugar de ainda maior destaque. Já Sérgio Conceição funcionou ao contrário e foi a boa campanha na Taça de Portugal a salvar uma época que, apesar do quarto lugar, deixou a desejar para o plantel que tinha ao dispor. O Vitória de Guimarães e grande rival ficou apenas a três pontos, com recursos bem diferentes, mas já lá vamos…

> NA PRÓXIMA PÁGINA: O TOP-5

Hernâni Ribeiro
Hernâni Ribeiro
Formado em estatística e gestão de informação, e Data Scientist profissional. É Head of Analytics na GoalPoint e responsável pela GoalPointPro