Táctica: Como joga o Gana

Portugal cumpre o seu último jogo da Fase de Grupos deste Mundial defrontando os "Black Cats" de James Appiah. Analisamos a sua manobra colectiva e individual.

O Gana é o expoente máximo do futebol africano, um país que conquistou a Taça das Nações Africanas (CAN) por quatro vezes (foi finalista outras tantas) e que já ganhou também diversos títulos nos campeonatos mundiais sub-19 e sub-20. Os “Estrelas Negras” são ainda conhecidos por terem das melhores academias de formação de jovens naquele continente, como por exemplo o Liberty, o Hearts of Oak ou a Feyenoord Academy.

OS CONVOCADOS

Recordamos os convocados de James Appiah para este Campeonato do Mundo:

Guarda-redesS.Adams (A.Stars); A.Kwarasey (Stromsgodset); F.Dauda (O.Pirates)
DefesasS.Inkoom (P.Chania), D.Opare (FC Porto), R.Sumaila (Sundowns), J.Mensah (ÉvianTG), K.Asamoah (Juventus), J.Boye (Rennes), H.Afful (E. de Tunis)
MédiosM.Essien (AC.Milan), A.Acquah (Parma), C.Atsu(Vitesse), K.Boateng (Schalke 04), S.Muntari (AC.Milan), A.Adomah (Middlesbrough), M.Rabiu (K.Krasnodar), W.Mubarak (R.Kazan), E.Badu (Udinese)
AvançadosA.Gyan (Al Ain), A.Ayew (Marseille), J.Ayew (Sochaux), A.Waris (Valenciennes)

UM TREINADOR COM ESCOLA

Tendo recebido grande parte da sua formação como treinador nos estágios que fez em clubes ingleses como o Manchester City ou o Liverpool, James Appiah foi treinador-adjunto do Gana entre 2007 e 2012, altura em que então assumiu o controlo da equipa principal.

Os ganeses vêm de uma série recente de um empate e duas derrotas, sendo que no último jogo contra a poderosa Alemanha demonstrou que pode ombrear com qualquer equipa.

UMA ABORDAGEM CLÁSSICA

Os “Estrelas Negras” apresentam-se num 1-4-4-2 clássico constituído por: GR-16-F.Dauda; DD-23-H.Afful; DC-21-J.Boye; DC-19-J.Mensah; DE-20-K.Asamoah;MC-17-M.Rabiu; MCE-11-S.Muntari; MOD-7-C.Atsu; MOE-10-A.Ayew; AC-13-J.Ayew; PL-3-A.Ayew.

O 4-4-2 clássico de James Appiah (figura 1)