Tottenham 🆚 Man City | Mou derruba Pep e recupera liderança

-

GoalPoint-Tottenham-Man-City-English-Premier-League-202021-Ratings
Clique para ampliar

O jogo grande da 9ª jornada da Premier League colocou frente-a-frente dois velhos conhecidos, José Mourinho e Pep Guardiola. Neste duelos de gigantes do banco, o português levou a melhor, por 2-0, num jogo em que imperou o calculismo e estratégia do técnico dos “spurs” em relação ao domínio e à maior produção ofensiva – totalmente ineficaz – dos “citizens”, que foram muito superiores estatisticamente. Heung-min Son, na primeira parte, e Giovani Lo Celso, na segunda, fizeram os golos. Com este desfecho, o Tottenham reassumiu a liderança, enquanto o City é 10º…

O primeiro golo surgiu logo aos cinco minutos, graças a um excelente passe a rasgar de Tanguy Ndombélé que isolou Son. O coreano foi rápido e rematou por entre as pernas de Ederson. O City pegou então na partida para nunca mais a largar, mas esbarrou não só na excelente organização defensiva dos “spurs” – assente numa extraordinária entreajuda entre os jogadores e uma concentração total das dobras -, mas também na total desinspiração dos comandados de Pep na grande área, onde raramente criaram perigo, apesar de terem terminado com 22 remates. O Tottenham, com somente quatro, fez dois tentos.

Aos 65 minutos, Lo Celso fez o 2-0, após ser lançado na esquerda por um excelente passe de Harry Kane. O argentino aguentou a pressão contrária e rematou cruzado… por baixo das pernas de Ederson.

Rodri Hernández 7.4 – O médio-defensivo espanhol foi o melhor em campo, ele que acabou por não ter grande trabalho em termos de acções defensivas, mas foi muito competente no que fez, com 12 recuperações de posse, quatro dribles eficazes (100%) e quatro passes para finalização, sendo que foi o elemento com mais acções com bola (101), a par de João Cancelo e Kyle Walker.

Jọo Cancelo 6.8 РO melhor portugu̻s no jogo. Al̩m das tais 101 ac̵̤es com bola, registou quatro passes para finaliza̤̣o, oito passes valiosos, completou 94% das 82 entregas que realizou, teve sucesso em 11 de 12 longas e somou 11 recupera̵̤es de posse.

Rúben Dias 5.7 rematou duas vezes, ambas enquadradas, recuperou oito vezes a posse de bola e destacou-se no passe, com 78 certos em 80. O outro português em campo, Bernardo Silva 4.9, esteve desinspirado.

GoalPoint
GoalPoint
O GoalPoint.pt é um site produzido pela GoalPoint Partners, uma start-up especializada em análise estatística de futebol, que oferece serviços dirigidos a profissionais, media, patrocinadores/anunciantes e adeptos.
GoalPoint

GRÁTIS
BAIXAR