A Croácia venceu a Turquia no primeiro jogo do grupo D, numa partida que teve no golo (vólei) de Modric um dos poucos pontos altos.

Num jogo mais faltoso (28 infracções) do que bem jogado (76% vs 78% de passes certos), sobretudo na primeira parte, a Croácia foi quase sempre mais forte, acentuando o domínio à medida que o jogo decorreu.

Apesar da posse equilibrada e da reacção final turca a Croácia somou mais remates (três bolas nos “ferros”), ocasiões (várias desperdiçadas ou travadas por Babacan, que fez cinco defesas, quatro delas a “tiros” efectuados dentro da área) e sobretudo cruzamentos: nada menos do que 30 (!) só de bola corrida, com Srna a estabelecer a fasquia a bater nesta edição com cinco cruzamentos eficazes. A Croácia somou aliás o melhor rating colectivo da prova até ao momento.

A Turquia pouco fez para justificar outro destino. Fatih Terim ainda lançou o “mini Messi” (há tantos) Emre Mor (18 anos) procurando agitar as águas mas Turan, Calhanoglu e cia estiveram desaparecidos nesta estreia no Euro 2016.

GoalPoint | Turquia vs Croácia | Euro 2016
Clique para ampliar

colocar info Ratings

GoalPoint | Turquia vs Croácia | Euro 2016
Clique que ampliar
GoalPoint | Turquia vs Croácia | Euro 2016
Clique para ampliar
GoalPoint | Turquia vs Croácia | Euro 2016
Clique para ampliar