À sexta jornada da Liga NOS, o campeão nacional, Benfica, sofreu a sua primeira derrota no campeonato, na deslocação ao Estádio do Bessa. Depois de até terem estado a vencer, os “encarnados” deixaram-se empatar e, poucos minutos depois, chegou o golo que levou o desaire para a dimensão de quase escândalo.

Se algumas fraquezas colectivas das “águias” têm ficado expostas esta época, o segundo golo do Boavista pôs também a nu uma fraqueza individual: o guarda-redes, Bruno Varela. Depois da saída de Ederson, foi muito falada a questão do substituto para o guardião brasileiro, e até a GoalPointPro encontrou nos dados cinco nomes que davam garantias de qualidade, mas a aposta recaiu mesmo em Bruno Varela, um guarda-redes que trazia um indicador… assustador.

[vc_table vc_table_theme=”classic”][align-center;bg#000000;c#ffffff]%23,[bg#000000;c#ffffff]Jogador,[align-center;bg#000000;c#ffffff]Jogos,[align-center;bg#000000;c#ffffff]Golos%20sofridos,[align-center;bg#000000;c#ffffff]Erros%20resultantes%20em%20golo|[align-center;b]1,[b]Bruno%20Varela,[align-center;b]35,[align-center]39,[align-center;b]5|[align-center]2,Rafael%20Defendi,[align-center]26,[align-center]35,[align-center]3|[align-center]3,Douglas%20Jesus,[align-center]32,[align-center]34,[align-center]2[/vc_table]
Dados da Liga NOS, a partir da época 2016/2017
GoalPoint / Opta

Com o “frango” de ontem, Bruno Varela passa a ficar associado negativamente a cinco golos sofridos, em apenas 35 jogos. Um erro flagrante de sete em sete jogos, precisamente o números de partidas oficiais que leva esta época.

Visto que já liderava este ranking, mesmo antes do jogo de ontem, não era difícil de prever que seria uma questão de tempo até o “camisola 30” expor as suas debilidades. Numa semana em que Rui Vitória até recorreu a estatísticas para justificar uma das suas opções, vê acontecer uma derrota que provavelmente podia ter sido evitada com a mesma atenção aos números. Veremos como liderá agora com um problema que parecia evitável.