bruno Fernandes fechou a primeira volta da Liga NOS 19/20 com o melhor GoalPoint Rating médio, entre todos os jogadores com pelo menos 50% do tempo de jogo (mais de 765 minutos). O MVP da primeira volta do campeonato português atingiu a viragem da prova com um rating de 7.1, mas desengane-se quem pense que, apesar dos seus méritos analisados em seguida, o fez com larga margem sobre a concorrência. Essa constatação ficará clara mais logo, quando revelarmos não só os 33 melhores ratings da primeira volta como também as dez menções honrosas que os acompanham.

Rei de uma “alcateia” em crise

O contexto de Bruno Fernandes é tudo menos fácil, o que torna o seu desempenho ainda mais extraordinário. Após ter fechado a época anterior eleito como o melhor jogador, segundo as nossas métricas, muitos esperariam que o “patrão” tivesse naturais dificuldades em sequer manter, quanto mais melhorar, os seus índices. Essas dúvidas ganharam ainda maior fundamento à medida que se foi percebendo que esta seria tudo menos uma época bem conseguida para os “leões”. E o que fez Bruno Fernandes neste cenário? Continuou a jogar à bola como poucos, acentuando ainda mais a dependência que o futebol sportinguista sente perante o seu predestinado, como o demonstra aliás a sua natural hegemonia na hora de eleger o jogador mais decisivo para uma equipa, nos jogos em que participa.

O médio é o “primeiro” a defender, o melhor a construir e a atacar, sendo um jogador fundamental nos comandados de Jorge Silas. Essa constatação é obtida com a mera observação, mas também pelos índices que vem mostrando.

GoalPoint-Portuguese-Primeira-Liga-2018-Bruno-Fernandes-1Volta-infog
Clique para ampliar

Os números são claros e salta à vista o peso que tem nos golos da formação leonina. Em 16 jogos, o internacional luso soma oito tentos e sete assistências, num total de 15 acções para golo que representam 54% do total de golos que o Sporting fez esta época no campeonato.

Todo o futebol do Sporting passa por Bruno Fernandes e, para além dos golos, Bruno apresenta números muito bons no remate (3,4 por 90 minutos, 43% deles enquadrados), e no capítulo do passe, com destaque para os 3,6 passes para finalização (total de 58), que o torna no jogador da Liga com a maior média neste capítulo, bem acima do segundo valor mais elevado, os 2,8 do vila-condense Nuno Santos. Fernandes é também quem mais ocasiões flagrantes cria, nada menos que 0,7 (total de 11), e quem mais passes de ruptura realiza (0,8, total de 12).  Mas não é tudo.


O excelente golo que Bruno Fernandes apontou ao Braga, no início de 2019/20

Bruno é o terceiro médio com mais acções com bola por 90 minutos (83,3), atrás de Filipe Augusto (88,4), do Rio Ave, e Gabriel (87,7), sendo o médio que regista mais dribles eficazes no último terço, cerca de 0,9, equivalente a 75% de eficácia.

Sem sinais de quebra

A infografia com as estatísticas de Bruno Fernandes no jogo em que registou o rating pessoal mais alto da época, na visita ao Vitória de Setúbal, mostra bem o tipo de jogador em que se tornou e o trabalho que realiza no Sporting em termos colectivos. Nesta partida fez dois golos em quatro remates, realizou três passes para finalização e ganhou uma grande penalidade. Mas é a última estatística desta imagem que nos diz muito sobre o comprometimento do jogador para com a equipa leonina.

GoalPoint-Vitória-FC-Sporting-Liga-NOS-201920-MVP
Clique para ampliar

Silas afirmou que “Bruno Fernandes ‘mata-se’ a defender” e os números comprovam-no, sendo o médio-ofensivo com mais desarmes por 90 minutos, nada menos que 2,3. Frente ao Vitória de Setúbal, o internacional luso fez mais do que a sua média neste detalhe (4,0) e este facto leva-nos a olhar para o que o jogador fez nas época passada.

Nos momentos em que esperamos que Bruno esteja um nível acima dos demais, os números mostram que nem o mau momento leonino afectou a produção do médio. Actualmente com cerca de metade dos jogos que realizou em 2018/19, Bruno tem já sensivelmente metade dos golos com que terminou a Liga anterior e também mais ou menos metade das assistências. Tudo em linha e dentro da normalidade, tal como a cadência de remates, a sua eficácia, aumentando, entretanto, no número de passes para finalização e de dribles eficazes a cada 90 minutos (precisamente o dobro).

GoalPoint-Bruno_Fernandes_2018_vs_Bruno_Fernandes_2019-infog
Clique para ampliar

A nossa atenção recai sobre o número de acções defensivas. Tal como diz Silas, o médio leonino contribui em muito para os momentos defensivos, algo que enriquece e valoriza ainda mais os seus desempenhos objectivos. De 3,4 acções defensivas por 90 minutos na época passada, Bruno passou agora para 4,1, sendo que entre os médios é o terceiro que realiza mais bloqueios de passe (1,2) e é o primeiro entre médios-ofensivos.

A abertura do mercado de Inverno no que toca a transferências voltou a colocar Bruno Fernandes na porta de saída de Alvalade. O nome do Manchester United surge como o mais provável destino do craque luso, caso se confirme a saída. A eventual partida do médio será uma perda enorme, não só para o Sporting mas também para uma Liga que contará pelos dedos os jogadores quantitativamente habilitados a jogar em qualquer cenário internacional. Até que tal aconteça, é desfrutar do seu futebol por estas paragens.

Parabéns Bruno!
Não perca em seguida a revelação dos nomes que acompanham o médio português nas eleição dos 33 melhores GoalPoint da 1ª volta da Liga NOS 19/20!