A época em toda a Europa sofreu uma paragem tão abrupta como indesejada. O Mundo está em suspenso em praticamente todas as áreas de actividade, mas para trás muito ficou feito, também no Futebol. Enquanto não regressa a competição e a normalidade,  resta-nos o optimismo, a esperança e o olhar para trás, para quando a bola corria rápida sobre a relva, nos pés dos artistas.

Entre os muitos artistas que nos deliciaram brilham mais alto aqueles que somaram, até à interrupção, mais eleições como MVPs GoalPoint Ratings dos jogos que disputaram, ranking no qual encontramos dois portugueses, um deles a ameaçar rivalizar com um habitual “E.T.” nestas andanças.

Este top é liderada por um nome que causa pouca surpresa. Lionel Messi é o único astro que soma mais eleições MVP do que Bruno Fernandes. Confira os 12 jogadores que foram pelo menos sete vezes os melhores em campo nas respectivas Ligas nacionais – as Top 5 mais a Liga NOS -, às quais juntamos também as nomeações em partidas da Liga dos Campeões e Liga Europa.

Clique para ampliar

Lionel Messi. Tentar adjectivar o craque argentino é redundante, tal a qualidade que demonstra ao longo da carreira. Até à interrupção de 2019/20, “La Pulga” amealhou quatro GoalPoint Ratings máximos, o ambicionado 10.0números que pode conferir numa peça dedicada ao tema (link) -, e 17 eleições para melhor em campo, no somatório da La Liga com a Champions League. Foram 14 no campeonato espanhol e três na Liga dos Campeões, não espantando, por isso, os números estratosféricos nas duas competições, reflectidos nos ratings acumulados.

Em segundo nesta lista de jogadores verdadeiramente decisivos surge então Bruno Fernandes. O médio português vai acumulando eleições, começando no Sporting e continuando no Manchester United – contrariando aqueles que lhe prognosticavam maiores dificuldades de afirmação no exigente contexto da Premier League.

GoalPoint-Bruno_Fernandes_2019_vs_Bruno_Fernandes_2019-infog
Clique para ampliar

Aliás apenas numa das oito eleições MVP que Bruno somou ao serviço dos “leões” conseguiu o português um rating mais elevado do que aquele como que se estreou a marcar pelos “red devils”, frente ao Watford. Bruno pegou de estava em Inglaterra, algo que aliás culminou na sua eleição imediata como Jogador do Mês oficial da prova.

Em terceiro lugar na lista de mais MVPs esta época está o esloveno Josip Ilicic, que só é batido por Messi no número de ratings 10.0 esta temporada, nada menos que três. O motor ofensivo da Atalanta já vai em dez eleições MVPduas delas na Liga dos Campeões, nas partidas frente ao Valencia, sendo que na última das quais tirou “nota máxima”. Na Serie A tem arrasado, somando já 15 golos, que o tornam o quinto melhor marcador. Uma ponta final de carreira (fez 32 anos em Janeiro último) de grande nível.

Abaixo deste pódio há outros nove jogadores que merecem destaque, entre eles Luís Alberto, da Lázio, com nove,Kevin De BruyneNeymar, com oito, e a lista de 12 termina com mais um português: Cristiano Ronaldo, da Juventus, com sete nomeações.

GoalPoint-Italian-Serie-A-2018-Cristiano-Ronaldo-infog
Clique para ampliar

CR7 vinha arrancando uma segunda metade de época assombrosa, com 13 golos em dez jogos consecutivos e até uma nota 10.0, com todos os seus MVP a surgirem na Serie A. Na Liga dos Campeões esteve mais discreto e esta temporada ainda não conseguiu nenhum “boneco” dos dele. Veremos se o vírus nos permitirá ainda o ver brilhar na “sua” prova, até ao verão.

Não perca, nos próximos dias, todo o conteúdo que temos para si, incluindo os melhores “onzes” GoalPoint das principais Ligas europeias. E não se esqueça, #StayAtHome / #FiqueEmCasa.